Homepage

  • Surf português chora perda de Ricardo Có
    08 setembro 2019
    arrow
    arrow
  • Fotografia
    Ricardo Có Facebook
  • Fonte
    Redação
powered by
  • Meo
  • Mercedes
  • Buondi
Segue-nos nas redes
  • Facebook
  • Twitter
  • Instagram
  • Surfista luso-guineense estava atualmente a residir no Reino Unido, mas vinha competir a Portugal com regularidade.
  • A comunidade do surf nacional acordou este domingo de luto, depois da trágica notícia da morte do surfista Ricardo Có. Atualmente a viver no Reino Unido, mas competidor recente na Liga MEO Surf, Có perdeu uma dura batalha contra o cancro. Cedo demais!

    Depois de ter competido em Portugal nos antigos circuitos de surf juniores, o jovem luso-guineense foi para o Reino Unido, onde estudou na Universidade e se dedicou ao mundo das lutas amadoras. Chegou a ser profissional de Kickboxing, colecionando vários títulos, e também praticou Muay Thai. Foi aí que ganhou a alcunha "The Rocket". 

    Nos últimos tempos deixou a luta e começou a dedicar-se novamente ao surf. Ao serviço do Clube Lombos Praia, Ricardo Có voltou este ano às competições nacionais, tendo entrado na 3.ª e 4.ª etapa da Liga MEO Surf. Há pouco mais de um mês ainda esteve em ação nas ondas algarvias da Praia do Amado, sempre com um sorriso contagiante no rosto, que era, aliás, uma imagem de marca.

    Có já tinha tido um primeiro contacto com a doença há cerca de dois anos, ganhando esse primeiro combate. Contudo, a malvada doença terá regressado de forma fulminante nos últimos tempos, acabando por levar a melhor e deixando tudo e todos em choque com a notícia da perda de um dos surfistas mais queridos do nosso país.

    Ainda recentemente, durante a etapa do WQS realizada em Newquay, onde Ricardo Có estava atualmente a viver, alguns dos surfistas portugueses em prova foram recebidos na casa do surfista de origem guineense, que lhes facilitou bastante na logística.

    Pedro “Pecas” Monteiro, responsável do Clube Lombos Praia, era uma das pessoas que mais de perto privava com o jovem surfista e deixou, este domingo, uma emocionada mensagem nas redes sociais.

    “Hoje o mundo ficou mais pobre, hoje a comunidade de surf perdeu um grande amigo amante do mar. A alegria do Ricardo era contagiante. O Ricardo foi um guerreiro até ao fim! O Ricardo não deixou de sorrir e abraçar os amigos mesmo quando a sua doença já o consumia. O Ricardo é um exemplo de como temos que enfrentar a vida a sorrir independentemente dos problemas e agarrá-la ao máximo! O Ricardo mostrou-nos que a humildade e o amor vencem, mesmo quando o desfecho não é o que queremos”, pode ler-se.

    Hoje a comunidade do surf está mais pobre, depois de uma perda trágica de um surfista pequeno em tamanho, mas com um coração enorme. Enviamos as mais sentidas condolências aos amigos e família. Descansa em paz, Có!

     

    Para acompanhar e confirmar live, os dados sobre o estado do mar, podes usufruir da nossa rede de livecams e reports preparada para essa finalidade.

    Visita a nossa Loja Online, e encontra tudo o que precisas para elevar o teu nível de surf!

    Segue o Beachcam.pt no Instagram

Tags
  • Ricardo Có
  • Morte
  • Surf
  • Cancro
  • Clube Lombos Praia
  • Fotografia
    Ricardo Có Facebook
  • Fonte
    Redação
similar News
similar
agosto 03
Stephanie Gilmore: 'Sacrificaria um título mundial pelo ouro olímpico'
agosto 03
Acumulação de algas no Algarve é um 'fenómeno natural'
agosto 03
Lançada plataforma para recolher dados sobre algas invasoras no Algarve
agosto 03
Iniciativa quer recolher quatro toneladas de plástico das praias portuguesas em 2021
agosto 03
Há mais de 5 mil ninhos de tartarugas em cinco quilómetros de praia na ilha da Boa Vista
agosto 02
Ítalo Ferreira alcançou triplete inédito na história do surf de competição
agosto 02
FPS lança curso de Treinadores de Surfing Grau 1 em setembro