Homepage

  • Cliff Diving Series: Campeões vitoriosos na despedida de 2019
    17 setembro 2019
    arrow
    arrow
  • Fotografia
    Red Bull Content Pool
  • Fonte
    Redação
powered by
  • Meo
  • Mercedes
  • Buondi
Segue-nos nas redes
  • Facebook
  • Twitter
  • Instagram
  • Libertos da luta pelo título, Gary Hunt e Rhiannan Iffland terminaram em grande estilo a temporada. O lendário Orlando Duque despediu-se do Circuito.
  • Mesmo com os títulos de campeões da Red Bull Cliff Diving World Series de 2019 já atribuídos, o britânico Gary Hunt e a australiana Rhiannan Iffland encontraram no passado fim de semana, em Bilbau, a motivação necessária para voltarem a surpreender a forte concorrência.

    O triunfo de ambos na sétima e última etapa da temporada de 2019 aconteceu em ambiente de festa, perante 27 mil espectadores, com as manobras mais exuberantes dos atletas enquadradas com o emblemático Museu Guggenheim.

    Iffland mostrou, nesta primeira ida da categoria feminina ao País Basco, que está num dos melhores momentos da sua carreira. A australiana fez o pleno em 2019 com sete triunfos em outras tantas etapas. 

    “Ainda me estou a beliscar para ter a certeza que alcancei mesmo este feito. Conseguir ter ânimo para dar o meu melhor quanto já tinha o título nas mãos não foi fácil, mas a fantástica energia do público e a presença dos meus amigos ajudou bastante”, explicou Rhiannan.

    Já Hunt chegava ao País Basco com a forte determinação de deixar clara a sua superioridade face à estrela emergente do cliff diving, o romeno Constantin Popovici, que o tinha derrotado em Mostar (Bósnia).

    Desta feita, Gary conquistou nas águas do rio Nervión a sua quinta vitória da época. “Foi muito importante ganhar em Bilbau, pois queria acabar a época da melhor forma. Quero continuar a quebrar barreiras e a chegar onde ninguém chegou nesta disciplina. É essa a minha motivação”, garantiu o atleta britânico.

    A ronda de Bilbau ficou ainda marcada pela despedida do mais veterano e premiado atleta de cliff diving da atualidade, o colombiano Orlando Duque. Um adeus que aconteceu debaixo de grande emoção.

    Destaque ainda para os desempenhos de Maria Paula Quintero, Jacquiline Valente e Iris Schmidbauer que conseguiram, no País Basco, garantir a sua continuidade no circuito para a próxima temporada.

    Em 2020, a Red Bull Cliff Diving World Series está de regresso e Portugal volta a marcar presença no calendário. A ronda lusa decorrerá entre os dias 4 e 5 de Setembro, com a clássica etapa que se realiza na mágico cenário do ilhéu de Vila Franca do Campo, nos Açores.

     

    Classificação final após 7 etapas: 

    Masculinos

    1º Gary Hunt 1060 pontos

    2º Jonathan Paredes 750 pts

    3º Andy Jones 540 pts

    4º Constantin Popovici 470 pts

    5º Michal Navratil 460 pts

    Femininos

    1ª Rhiannan Iffland 1200 pontos

    2ª Jessica Macaulay  670 pts

    3ª Lysanne Richard  660 pts

    4ª Yana Nestsiarava  580 pts

    5ª Eleanor Townsend Smart  500 pts

     

     

     

    Para acompanhar e confirmar live, os dados sobre o estado do mar, podes usufruir da nossa rede de livecams e reports preparada para essa finalidade.

    Visita a nossa Loja Online, e encontra tudo o que precisas para elevar o teu nível de surf!

    Segue o Beachcam.pt no Instagram

Tags
  • Red Bull
  • Espanha
  • Bilbau
  • Red Bull Cliff Diving World Series
  • Rhiannan Iffland
  • Gary Hunt
  • Orlando Duque
  • Mergulho
  • Saltos
  • Fotografia
    Red Bull Content Pool
  • Fonte
    Redação
pub
similar News
similar
outubro 18
Fim de semana chega com sábado muito chuvoso
outubro 18
Tráfego marítimo contribui para 20% da poluição costeira em Portugal
outubro 18
Seca e má gestão deixam o Tejo em mínimos históricos
outubro 18
Glaciares suíços sofrem maior redução em 100 anos
outubro 18
Previsão de mau tempo cancela sessão de autógrafos na 58 Surf
outubro 17
Inscrições abertas para a 2ª etapa do Circuito de Bodyboard do Ericeira Surf Clube
outubro 17
No Corvo haverá um apagão para salvar as aves marinhas