Homepage

  • Portugal na dianteira do Eurosurf a um dia do final
    25 julho 2019
    arrow
    arrow
  • Fotografia
    Eurosurf
  • Fonte
    Redação
powered by
  • Meo
  • Mercedes
  • Buondi
Segue-nos nas redes
  • Facebook
  • Twitter
  • Instagram
  • Falta um dia de campeonato no Eurosurf para decidir se Portugal conquista o ambicionado “bis” Europeu. Previsões para o estado do mar podem adiar tudo para sábado...
  • A Seleção Nacional liderada por David Raimundo está a um dia de poder fazer história do surf nacional, com a possibilidade do primeiro “bis” em Europeus de Surf, em Santa Cruz. Por enquanto, Portugal lidera as contas da competição, mas Itália, que ganhou ontem o surf feminino, é a grande ameaça ao feito português, com Alemanha e Espanha também com possibilidades matemáticas.

    Para já, o dia de hoje determinou mais dois portugueses em finalíssimas no Eurosurf, campeonato da Europa de seleções, que poderá mesmo terminar amanhã, ou, no cenário mais provável, dadas as condições de mar previstas, no sábado. Ou seja, um dia antes do limite do período de espera, que termina domingo, dia 28.

    Eduardo Fernandes, em surf open, e João Dantas, em longboard masculino, conseguiram esta sexta-feira chegar ao heat de atribuição de medalhas, enquanto Pedro Henrique, em surf open, terá de disputar mais dois heats e Inês Martins, em longboard feminino, mais um heat, respetivamente, para chegarem às suas baterias decisivas.

    Eduardo Fernandes conseguiu chegar à final das medalhas com um percurso irrepreensível, passando todos os heats sem recorrer à repescagem e terá a companhia do alemão Leon Glatzer, um dos destaques da prova, mais os dois surfistas oriundos da final de repescagem.

    Depois da sua bateria, o surfista da Linha personificava o otimismo da equipa nacional: “Foi o dia com condições mais difíceis do evento mas deu tudo certo. Portugal tem grandes hipóteses de chegar ao título; eu já estou na finalíssima, tal como o Dantas, e o Pedro Henrique e a Inês ainda podem chegar às suas finais, pelo que se todos mantiverem a mesma energia, as coisas vão correr bem.”

    João Dantas, por sua vez, ainda escorregou hoje para a repescagem mas acabaria por se “desforrar” na final da repescagem do longboard com duas notas extraordinárias: um 8.00 e um 9.50.

    O longboarder de São Pedro do Estoril terá, contudo, de ultrapassar o suíço Luca Carlisle, o galês Evan Rodgers e o italiano Federico Nesti. Nesti que, refira-se, somou no acesso à finalíssima, o score total mais alto da prova: 18.00.

    João Dantas recusa favoritismos e vai dizendo que Nesti é um adversário temível para a final: “Ainda nada está ganho nem perdido. As condições hoje não estavam fáceis para o longboard pelo que estou contente com o meu último heat e com poder levar Portugal ao pódio. Conheço bem o Nesti, treino e viajo com ele pois somos patrocinados pela mesma marca de pranchas, pelo que sei o que ele vale. Confesso que o Nesti é um bom candidato mas vou fazer tudo para levar o ouro para casa.”

     

    Para acompanhar e confirmar live, os dados sobre o estado do mar, podes usufruir da nossa rede de livecams e reports preparada para essa finalidade.

    Visita a nossa Loja Online, e encontra tudo o que precisas para elevar o teu nível de surf!

    Segue o Beachcam.pt no Instagram

Tags
  • eurosurf 2019
  • Portugal
  • Sanra Cruz
  • Eduardo Fernandes
  • João Dantas
  • Fotografia
    Eurosurf
  • Fonte
    Redação
pub
similar News
similar
agosto 06
Água do mar bem quente está a marcar o início de agosto no Algarve
agosto 06
Resultado das análises à água da Praia da Nazaré conhecido amanhã
agosto 06
Nic von Rupp reforça team do shaper de John John Florence
agosto 05
Praia da Nazaré está interdita a banhos
agosto 06
Miss Costa Nova Cup 2020 já tem data marcada
agosto 06
Estação Salva-vidas de Cascais resgata dois praticantes de SUP na Praia da Parede
agosto 05
FPS concentra calendário competitivo até outubro para fugir a hipotético confinamento
pub