Homepage

  • Atenas atingida por forte sismo
    19 julho 2019
    arrow
    arrow
  • Fonte
    Redacção
powered by
  • Meo
  • Mercedes
  • Buondi
Segue-nos nas redes
  • Facebook
  • Twitter
  • Instagram
  • Várias pessoas saíram dos edifícios para as ruas da capital grega. Não existem relatos de vítimas mortais.
  • Um sismo de magnitude 5,1, na escala de Richter, atingiu esta sexta-feira a cidade grega de Atenas. O epicentro do terramoto, que teve a duração de seis segundos, localizou-se a cerca de 23 quilómetros a noroeste da capital da Grécia. Um segundo abalo, de menor intensidade, foi sentido minutos depois.

    De acordo com o Instituto Geodinâmico do Observatório Nacional de Atenas, o sismo, mais violento, terá ocorrido às 14h13 locais (12h13 de Lisboa). 

    Não existem relatos de vítimas mortais, mas muitas pessoas saíram dos edifícios para a rua. De acordo com os meios de comunicação social do país helénico, apenas se estão a verificar cortes pontuais de eletricidade. O sismo fez ainda deflagrar um incêndio numa zona portuária, no sul da cidade.

    Este foi o primeiro tremor de terra registado em Atenas no novo milénio, pois o último havia sido verificado em 1999. Um sismo que levou à morte de 143 pessoas.

     

     

    Para acompanhar e confirmar live, os dados sobre o estado do mar, podes usufruir da nossa rede de livecams e reports preparada para essa finalidade.

    Visita a nossa Loja Online, e encontra tudo o que precisas para elevar o teu nível de surf!

    Segue o Beachcam.pt no Instagram

Tags
  • Grécia
  • Europa
  • Sismo
  • Natureza
  • Ambiente
  • Mundo
  • Desastre Natural
  • Fonte
    Redacção
pub
similar News
similar
agosto 23
Buondi, uma marca com o ADN do surf
agosto 23
Fim de semana quente, mas com ligeira descida da temperatura
agosto 23
FPS lança maior campanha de ação ambiental já feita em Portugal
agosto 23
Maré de algas invade praias do Algarve
agosto 23
Wakeboard e Ski Náutico animam Montargil
agosto 23
Terra tremeu em Setúbal esta manhã
agosto 22
O microplástico já chegou ao Ártico