Homepage

  • Jovem brasileira fica tetraplégica após apanhar onda
    19 março 2019
    arrow
    arrow
  • Fonte
    Redação
powered by
  • Meo
  • Mercedes
  • Buondi
Segue-nos nas redes
  • Facebook
  • Twitter
  • Instagram
  • Acidente aconteceu há dois meses numa praia do litoral de São Paulo e serve de alerta para todos os que desfrutam do mar.
  • O caso está a chocar o Brasil e ser bem para consciencializar todos aqueles que gostam de brincar no mar. Karina Neustadter Castellanos, de apenas 24 anos, ficou tetraplégica depois de apanhar uma onda numa praia do litoral de São Paulo. A jovem apanhou a onda sem qualquer prancha, ao estilo bodysurf, e bateu depois com a cabeça no fundo do mar.

    Apelidada de “jacarézinho”, esta prática é bastante famosa nas praias brasileiras, mas o perigo é bem real. O tombo que sofreu acabou por ditar lesões graves, ficando tetraplégica. “Decidi pegar impulso na onda para sair da água. Tomei um 'caldo', girei na onda. Minha nuca bateu no chão, na areia, e meu queixo bateu no meu colo. Senti um choque muito forte e, na hora, já não sentia as minhas pernas”, relembrou a jovem à Globo.

    Rapidamente a jovem percebeu que não conseguia mexer braços e pernas, valendo-lhe o auxílio rápido do namorado para resgatá-la da água. Seguiu para o Hospital em São José dos Campos, onde foi constatada a fratura na vértebra C6 e a tetraplegia. Desde então tem andado a fazer tratamentos para tentar reverter a situação.

    “Fico-me perguntando como isso aconteceu. Nasci na praia. Morava em Santos, sempre me vi no mar. Já surfei com prancha, mergulhei em mar forte e com ressaca. Não dá pra entender o porquê naquela praia aconteceu isso”, frisou Karina, quase dois meses após o inexplicável acidente.

    Ainda assim, a jovem acredita que pode voltar a andar. “Tenho esperança, não quero ficar nessa cama. Tem dias que eu estou bem, mais animada, tem dias que fico um pouco triste. É difícil ficar [na cama] aqui todo dia, o dia inteiro, não é fácil. Mas, quero recuperar-me. Estou nessa cama mas vou voltar a andar”, garantiu.

     

    Para acompanhar e confirmar live, os dados sobre o estado do mar, podes usufruir da nossa rede de livecams e reports preparada para essa finalidade.

    Visita a nossa Loja Online, e encontra tudo o que precisas para elevar o teu nível de surf!

    Segue o Beachcam.pt no Instagram

Tags
  • Acidente
  • Brasil
  • Bodysurf
  • Praia
  • São Paulo
  • Fonte
    Redação
pub
similar News
similar
janeiro 23
Surf to Win apresenta equipa oficial para 2020
janeiro 24
Lewis Pugh é o primeiro humano a nadar sob camada de gelo na Antártida
janeiro 24
Gondomar retira das serras 3 toneladas de lixo por semana
janeiro 22
Tempestade Glória provoca ondulação inédita no Mediterrâneo
janeiro 23
Vem aí o Pacto Português para os Plásticos
janeiro 23
O ornitorrinco pode desaparecer devido à ocupação humana
janeiro 24
Austrália enfrenta praga de aranhas mortíferas