Homepage

  • Ensino superior vai ter estatuto de estudante-atleta
    25 janeiro 2019
    arrow
    arrow
  • Fotografia
    Campeonato Universitário de Surf
  • Fonte
    Redação
powered by
  • Meo
  • Mercedes
  • Buondi
Segue-nos nas redes
  • Facebook
  • Twitter
  • Instagram
  • Estatuto agora criado representa um “estímulo, sem precedentes, para o envolvimento dos estudantes em atividades desportivas em representação das suas instituições do ensino superior”.
  • O governo aprovou esta quinta-feira o diploma que vai permitir que todos os estudantes de todas as instituições do ensino superior que sejam também desportistas beneficiem do estatuto de estudante-atleta. Os estudantes que beneficiarem deste estatuto vão passar a ter “direitos mínimos” como alterar a data dos exames ou a permissão de faltas.

    Anteriormente apenas os atletas de alta competição poderiam usufruir de tais direitos, sendo que agora a lei irá também abranger todo e qualquer estudante que pratique atividades desportivas. A Federação Académica do Desporto Universitário (FADU) já veio a público congratular-se com esta aprovação, sublinhando “mais um passo para a valorização social do desporto”.

    “Vigorando há já alguns anos um sistema de apoios aos estudantes que são atletas de alto rendimento ou que integram com regularidade seleções nacionais, é chegado o momento de alargar o apoio a outros estudantes atletas, contribuindo para a melhoria da conciliação dos planos de estudo, de treino e de competição de jovens que pretendam um envolvimento em prática desportiva no quadro da organização do desporto no ensino superior”, lê-se no comunicado da reunião de Conselho de Ministros.

    Uma nota do Ministério da Educação, que trabalhou o diploma em conjunto com o Ministério da Ciência, Tecnologia e Ensino Superior, refere ainda que o estatuto agora criado representa um “estímulo, sem precedentes, para o envolvimento dos estudantes em atividades desportivas em representação das suas instituições do ensino superior” e que “promove um aumento efetivo do número de estudantes” a praticar desporto universitário.

    “No quadro de autonomia pelo qual as instituições do ensino superior se regem, o Governo incentiva, deste modo, medidas de apoio à carreira dual, quer para atletas universitários, quer para atletas de alto rendimento e seleções nacionais. Consubstancia-se a prioridade na articulação e compatibilização da atividade desportiva com a escola, reconhecendo-se a atividade física e desportiva como parte fundamental integrante na formação do estudante, enraizando hábitos saudáveis ao longo da vida”, lê-se na nota do Ministério da Educação.

    Além do envolvimento dos dois ministérios, participou ainda no desenvolvimento do estatuto o Instituto Português do Desporto e da Juventude “no acompanhamento e caracterização dos universos desportivos”. Segundo a nota do Ministério da Educação foram ouvidos o Conselho Coordenador dos Institutos Superiores Politécnicos (CCISP) e o Conselho de Reitores das Universidades Portugueses (CRUP).

     

    Para acompanhar e confirmar live, os dados sobre o estado do mar, podes usufruir da nossa rede de livecams e reports preparada para essa finalidade.

    Visita a nossa Loja Online, e encontra tudo o que precisas para elevar o teu nível de surf!

    Segue o Beachcam.pt no Instagram

Tags
  • Estudante-atleta
  • Desporto
  • Ensino Superior
  • Fotografia
    Campeonato Universitário de Surf
  • Fonte
    Redação
pub
similar News
similar
maio 20
Surf no 7º Congresso de Treinadores de Portugal
maio 20
Acidente na Praia da Calada tira vida a pescador
maio 19
Jovem talento português vence final mundial do GromSearch
maio 18
Liga MEO Surf – Tomás Fernandes e Yolanda Sequeira vencem o Porto Pro
maio 17
Liga MEO Surf – Performances excelentes e muitas surpresas no dia inaugural do Porto Pro
maio 17
Surfistas em “luta” pela onda de Porto Dinheiro
maio 16
Reino Unido vai ter mais uma piscina de ondas artificiais