Homepage

  • Localizada dentro de um centro comercial, a piscina já está a atrair muitos curiosos e praticantes!
  • Depois do aeroporto de Munique, foi a vez de a pequena cidade de Osnabrück, no Noroeste da Alemanha, receber uma piscina de ondas com a tecnologia Citywave.

    Localizada dentro de um centro comercial, a piscina foi colocada no meio de uma ampla varanda circular, chamando a atenção de quem passa por aquele local.

    O preço para surfar 45 minutos na piscina é de 34 euros. Já crianças entre 8 e 14 anos pagam 29 euros. É uma das primeiras piscinas de onda instalada num ambiente de compras.

    Vejam aqui o vídeo mais extenso de uma sessão de surf em pleno centro comercial

    A Citywave foi fundada por Rainer Klimaschewski e Susi Klimaschewski, dois campeões europeus de ski na categoria freestyle. De acordo com os criadores, é inspirada no rio Eisbach, em Munique, capaz de formar ondas maiores que 1,5 metros de altura.

    Será que por cá vamos começar a ver estas piscinas nos nossos 'shoppings'?

    Aguardemos!

     

    Para acompanhar e confirmar live, os dados sobre o estado do mar, pode usufruir da nossa rede de livecams e reports preparada para essa finalidade.

    Visita a nossa Loja Online, encontras tudo o que precisas para elevar o teu nível de surf!

    Segue o Beachcam.pt no Instagram

    Foto: BePopFish

Tags
  • surf
  • Piscina de Ondas
  • Centro Comercial
  • shopping
  • alemanha
  • citywave
  • Osnabrück
  • vídeo
similar News
similar
setembro 30
Melhores bodysurfers nacionais a caminho da Praia do Guincho
setembro 30
Ondas de Peniche vão coroar o novo campeão nacional de Surf Esperanças Sub-16
setembro 30
Temperatura vai ultrapassar os 30ºC no primeiro fim de semana de outubro
setembro 30
Finalíssima do Surf Esperanças Sub-12 de 2022 disputa-se na Praia Internacional do Porto
setembro 28
Teresa Bonvalot, 10 anos de sucesso garantido em Mundiais ISA
setembro 28
Mercedes-Benz vai celebrar o Dia Mundial do Mar com a temática Nazaré
setembro 28
Guilherme Fonseca: “Têm sido anos de muito sacrifício” (ENTREVISTA)