Homepage

  • Depois do Felix, vem aí a Giselle!
    13 março 2018
    arrow
    arrow
  • 'Gisele' vai trazer chuva, vento forte e agitação marítima.
  • Portugal continental e os arquipélagos dos Açores e da Madeira vão ser afetados a partir de hoje pela passagem da depressão 'Gisele', que vai trazer chuva e vento forte e agitação marítima, segundo a meteorologista Ângela Lourenço.

    "Vamos ter novamente o impacto de uma depressão. Vamos ter precipitação e vento forte e novamente um episódio de agitação marítima a partir de amanhã, dia 14, no continente e na Madeira, mas no caso dos Açores chega já hoje", disse a meteorologista do Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA).

    De acordo com Ângela Lourenço, no caso dos Açores, está previsto agitação marítima com ondas com uma altura mais significativa de 05 a 08 metros e rajadas de vento da ordem dos 110 quilómetros por hora, em especial nos grupos central (Terceira, S. Jorge, Pico, Faial e Graciosa) e ocidental (Flores e Corvo).

    "Nos casos da Madeira e continente será a passagem de uma superfície frontal fria que está associada à depressão "Gisele" e vai fazer-se sentir durante o dia de quarta-feira. Vamos ter precipitação que será por vezes forte, acompanhada por granizo e trovoada, em especial a partir da tarde, altura em que a superfície vai atravessar o território", adiantou.

    No que diz respeito à agitação marítima, Ângela Lourenço destacou que será uma situação mais pacífica do que a que se viveu no fim de semana passado, em que o território esteve sob aviso vermelho.

    "Estamos à espera de ondas de oeste com 04 a 05 metros. Quanto ao vento, poderá chegar aos 100 quilómetros por hora nas terras altas e aos 90 no restante território. As zonas do litoral e as terras mais elevadas são os sítios onde a rajada será mais elevada", disse.

    Na Madeira, segundo o IPMA, a situação será mais pacífica, prevendo-se agitação marítima e precipitação intensa, mas não será tanto como no continente.

    "O vento também vai ser menos intenso do que no continente. Mesmo no continente, as zonas onde se fará mais sentir o efeito da depressão serão as regiões mais a norte, porque a depressão depois vai para o golfo da Biscaia", salientou.

    Segundo Ângela Lourenço, a depressão nasce a norte dos Açores e vai em direção ao golfo de Biscaia, afetando de forma mais direta a parte norte da península ibérica.

    "O dia mais crítico no que diz respeito aos efeitos da depressão é o dia 14 [quarta-feira] e a partir daí desloca-se em direção a nordeste afetando as ilhas britânicas. No entanto, vamos continuar com uma situação de chuva até ao fim de semana, mas já não é o efeito da depressão 'Gisele'", disse.

    No que diz respeito às temperaturas, a meteorologista adiantou que haverá uma descida da mínima na quinta-feira, mas depois sobe e estabiliza.

    "Vamos continuar com estas depressões e superfícies frontais que estão a deslocar-se no Atlântico. Normalmente tem uma trajetória de oeste para leste, tem uma génese aproximadamente na região costa leste dos Estados Unidos e tem tido um deslocamento muito a sul afetando diretamente o território nacional. Vamos continuar com este regime, ou seja, com chuva por vezes mais intensa e períodos em que não chove ", indicou.

     

    Para acompanhar e confirmar live, os dados sobre o estado do mar, pode usufruir da nossa rede de livecams e reports preparada para essa finalidade.

    Visita a nossa Loja Online, encontras tudo o que precisas para elevar o teu nível de surf!

    Segue o Beachcam.pt no Instagram

    Fonte: NAM

    Fotografia: Sol

Tags
  • felix
  • giselle
  • depressão
  • tempestade
  • estado do tempo
  • mar
  • oceano
  • Agitação marítima
  • chuva
  • mau tempo
  • vento
  • Portugal Continental
  • meteorologia
  • Previsão
similar News
similar
setembro 20
Kanoa Igarashi, de vice-campeão mundial ISA à prata olímpica em casa
setembro 21
FPS lança a Semana do Surfing
setembro 21
Época balnear em Espinho prolongada até 26 de setembro
setembro 21
Save The Waves Film Fest Azores Tour chega ao Pico
setembro 20
Joana Schenker vai ajudar a limpar a Praia da Mareta
setembro 20
Finalíssima de Trestles foi o dia de competição mais visto de sempre em provas WSL
setembro 20
Inscrições reabertas para a etapa inaugural do Circuito de Surf do Ericeira Surf Clube