Homepage

  • Sesimbra volta a receber competição de surf!
    13 março 2018
    arrow
    arrow
  • A prova é uma organização conjunta do Surf Clube de Sesimbra e da Federação Portuguesa de Surf.
  • O Concelho de Sesimbra recebe nos próximos dias 17 e 18 de março a 3ª etapa do Circuito Regional de Surf da Grande Lisboa 2018, inserida no SCS Wave Fest 2018.

    A prova é uma organização conjunta do Surf Clube de Sesimbra e da Federação Portuguesa de Surf.

    Estarão em disputa as categorias de Sub-12, Sub-18, Sub16 Feminino e Sub-18 Feminino, uma prova que determinará os apurados para as finalísimas do Campeonato Nacional de Surf Esperanças 2018.

    Todas as inscrições devem ser efectuadas no site da Federação Portuguesa de Surf, até às 23:59 do dia 14 de março. Apenas pode inscrever-se quem tem a sua situação de federado para o ano de 2018 regularizada.

    A prova terá lugar na praia do Concelho que apresentar melhores condições para o Surf; entre as possíveis escolhas encontram-se as praias de Sesimbra, Lagoa de Albufeira, Meco e Bicas. O site do Surf Clube de Sesimbra, em www.scs.pt terá toda a informação e fotos desta prova.

    As inscrições serão de 20€ para todas as categorias.

     

     

    Para acompanhar e confirmar live, os dados sobre o estado do mar, pode usufruir da nossa rede de livecams e reports preparada para essa finalidade.

    Visita a nossa Loja Online, encontras tudo o que precisas para elevar o teu nível de surf!

    Segue o Beachcam.pt no Instagram

Tags
  • surf
  • Surf Clube de Sesimbra
  • sesimbra
  • Federação Portuguesa de Surf
  • Circuito Regional da Grande Lisboa
  • março
pub
similar News
similar
janeiro 23
Surf to Win apresenta equipa oficial para 2020
janeiro 24
Lewis Pugh é o primeiro humano a nadar sob camada de gelo na Antártida
janeiro 24
Gondomar retira das serras 3 toneladas de lixo por semana
janeiro 22
Tempestade Glória provoca ondulação inédita no Mediterrâneo
janeiro 23
Vem aí o Pacto Português para os Plásticos
janeiro 23
O ornitorrinco pode desaparecer devido à ocupação humana
janeiro 24
Austrália enfrenta praga de aranhas mortíferas