Homepage

  • Portugueses em calendário Internacional de Longboard
    31 dezembro 2018
    arrow
    arrow
  • Pela primeira vez, a Hanten convidou o fotógrafo Joel Reis e o shaper e longboarder Marco 'Tainha' a publicarem um dos seus trabalhos.
  • Á semelhança de anos anteriores, também este ano a espanhola  Hangten – revista de longboard lançou o calendário para o ano de 2019.

    A linha editorial da Hangten tem a ver com o universo do longboard e do surf clássico “en estado puro” como eles próprios afirmam.

    Anualmente, lançam uma publicação internacional (que chega á Califórnia, passando pela Austrália e claro em muitos países na Europa) com algumas das imagens que nos fazem a todos sonhar com a nossa paixão: as ondas, as praias, o longboard e o lifestyle que escolhemos como vida.

    E para 2019, pela primeira vez, a Hanten convidou o fotógrafo Joel Reis (da Endless Fun) e o shaper e longboarder Marco “Tainha” (da Bloodbrothers) a publicarem um dos seus trabalhos.

    Esta dupla tem vindo a desenvolver um trabalho que dizem ser “de equipa”, dado que a criação de conteúdos de forma profissional e apaixonada tornou-se “A” forma de crescer nacional e internacionalmente, e deste forma expor numa “montra” virtual a arte que cada um cria, e que é valorizada pela contribuição um do outro. E foram notados!

    E é no mês de Novembro que vemos o Tainha a surfar uma direita em backside, com os dois pés no bico (em Hangten) e numa posição clássica e relax; fotografado pelo Joel Reis numa das praias da Caparica (que mantiveram em segredo), e que aparece apenas como sendo na zona de Lisboa.

    Noutros meses podemos encontrar o também shaper e logger de topo, o Ryan Burch a fazer a sua magia, o Andy Nieblas da Califórnia, ou momentos de lifestyle em Malibu e S. Onofre, ou ainda momentos de descontracção no Duct Tape Invitational (o mais importante campeonato de longboard, em que só entram os melhores loggers convidados pela lenda Joel Tudor.). Também o Niki Dora, o nosso jovem vizinho das Astúrias (que apesar da tenra idade ele próprio já foi convidado a entrar no Duct Tape aquando da sua visita a Zarautz no ano de 2018) aparece no mês de Outubro num hangten cheio de estilo.

    O calendário também assinala a cada mês, os respectivos festivais/campeonatos de referência que se realizam nessas data por esse mundo afora. E aí Portugal também surge em Agosto com o Gliding Barnacles, que se realiza anualmente na Figueira da Foz e tem vindo a crescer em importância a cada ano que passa.

    É com prazer que vemos assim Portugal e os Portugueses a conseguirem romper, e obterem reconhecimento dos seus pares a nível internacional, ombreando com os melhores do mundo. Seja pela organização de um dos melhores festivais de Longboard, seja pelos seus longboarders, seja pelos seus fotógrafos.

    Clica aqui para encomendar o teu calendário.

    Parabéns a todos! Mas em especial ao “Gliding Barnaces”, ao Marco “Tainha” (Bloodbrothers) e ao Joel Reis (Endless Fun)!

    Para acompanhar e confirmar live, os dados sobre o estado do mar, podes usufruir da nossa rede de livecams e reports preparada para essa finalidade.

    Visita a nossa Loja Online, e encontra tudo o que precisas para elevar o teu nível de surf!

    Segue o Beachcam.pt no Instagram

Tags
  • Joel Reis
  • Marco Tainha
  • longboard
  • Gliding Barnacles
  • Duct Tape Invitational
  • Portugal
similar News
similar
março 09
Sofia Mulanovich vence guerra com federação e vai ao Mundial ISA
março 08
Jogos Olímpicos de Tóquio vão ser os primeiros com equilíbrio na igualdade de género
março 08
Choque entre surfistas faz uma vítima mortal na Califórnia
março 07
Big riders portugueses criam equipa Red Herrings
março 05
Vai embora a chuva: regressa o sol no fim de semana
março 08
Polícia Marítima recolhe 113 jerricans, 38 dos quais com combustível, na ilha de Tavira
março 01
Circuito Nacional de Bodyboard tem novo organizador