Homepage

  • Acidente com freesurfer revolta Baleal
    05 novembro 2018
    arrow
    arrow
  • Fonte
    Redação
powered by
  • Meo
  • Mercedes
  • Buondi
Segue-nos nas redes
  • Facebook
  • Twitter
  • Instagram
  • Na passada sexta-feira, um surfista estrangeiro passou por cima de um aluno, que teve de receber assistência hospitalar.
  • Um aluno de uma escola de surf que leciona no Baleal, em Peniche, foi transportado para o hospital, na passada sexta-feira, depois de um acidente que envolveu um free surfer, alegadamente estrangeiro, e que acabou por gerar alguma revolta entre a comunidade local.

    Clica aqui para veres a praia do Baleal e Lagido ao vivo.

    Surfistas e professores de surf locais manifestaram o desagrado com a situação e com a insegurança cada vez mais notada nas praias locais através das redes sociais. Segundo o testemunho de Guilherme Salvador, o acidente ocorreu com um aluno seu, tendo de deslocar-se com a vítima ao hospital das Caldas.

    De acordo com o relato, o surfista estrangeiro terá passado por cima do aluno, causando-lhe um corte no pescoço. Felizmente, a vítima acabou por sair do hospital ao final do dia e pelo próprio pé. Outras pessoas que também estavam na água, queixam-se, sobretudo, da falta de respeito do freesurfer que causou o acidente, uma vez que não terá prestado sequer auxílio à vítima.

    Este incidente trouxe novamente à tona os problemas que existem na zona de Peniche com o excesso de escolas de surf e a sobrelotação dos picos. Segundo o autor do post original que deu conta do incidente, o número de escolas na região ascende já aos 180. São muitas as vozes que pedem às autoridades para regularizarem esta situação o mais rapidamente possível.

    Foi por todo este problema que, recentemente, foi criada a União de Surfista de Peniche e a Associação de Escolas e SurfCamps de Peniche, a primeira composta por surfistas locais e a segunda uma associação que junta praticamente todas as escolas do concelho e que visa lutar pelos direitos das escolas locais. Este é um tema sensível e que também tem merecido a atenção da Associação de Escolas de Surf de Portugal.

    Concordas com o panorama das escolas de surf em Portugal?!? Até dia 9 de Novembro clica aqui e participa no questionário da Associação de Escolas de Surf de Portugal deixando a tua opinião.

    Independentemente de onde mora a culpa, é importante alertar para o perigo que há na sobrelotação dos spots de surf, principalmente, numa zona tão reputada como Peniche. Acidentes sempre aconteceram e irão continuar a acontecer, mas o bom-senso e o respeito não podem deixar de existir, de forma a evitar que estas situações se tornem ainda mais graves.

     

    Para acompanhar e confirmar live, os dados sobre o estado do mar, podes usufruir da nossa rede de livecams e reports preparada para essa finalidade.

    Visita a nossa Loja Online, e encontra tudo o que precisas para elevar o teu nível de surf!

    Segue o Beachcam.pt no Instagram

    Fotos - Alexandre Silva

Tags
  • acidente
  • Peniche
  • Escolas de Surf
  • Baleal
  • Freesurfer
  • Fonte
    Redação
pub
similar News
similar
setembro 18
Associação Sealand limpa Praia da Mexilhoeira
setembro 18
Carro de GMcNamara não foi furtado. Perdeu mala em Cascais e oferece 1000€ a quem encontrar o disco externo
setembro 18
Dois golfinhos mortos deram à costa em praias do Norte
setembro 18
As nações já qualificadas para Tóquio e os surfistas em risco
setembro 17
Cliff Diving Series: Campeões vitoriosos na despedida de 2019
setembro 17
Nuno Vitorino vs Tomás Valente – um heat nunca visto!
setembro 17
Circuito de Bodyboard 2019 - Restaurante O Sacas encerra em grande