Homepage

  • Contaminação interdita praia em Matosinhos
    06 agosto 2018
    arrow
    arrow
  • Fotografia
    Pereira Elson
  • Fonte
    Redação
powered by
  • Meo
  • Mercedes
  • Buondi
Segue-nos nas redes
  • Facebook
  • Twitter
  • Instagram
  • A praia ficou assim interdita “por precaução” até esta segunda-feira, altura em que serão feitas análises à água da praia por parte da CM de Matosinhos.
  • No passado sábado a praia do Cabo do Mundo, em Perafita, Matosinhos, foi interdita e desaconselhada a banhos por causa da contaminação da água. Tudo terá sido causada por um derrame de lamas causada por uma ETAR próxima, situada em Leça da Palmeira.

    A Agência Portuguesa do Ambiente desaconselhou assim os banhos na praia, mesmo perante os inúmeros banhistas presentes e o calor que se fez sentir durante o fim-de-semana. Dessa forma, foi mesmo retirada a Bandeira Azul da Praia do Cabo do Mundo. Foi igualmente içada a bandeira vermelha.

    Em declarações à Agência Lusa, Rodrigues de Campos, comandante da Zona Marítima do Norte, explicou que está “içada a bandeira vermelha” e foi “arriada a bandeira azul da Praia do Cabo do Mundo”, porque foi detetado um “escorrimento para o mar” na sexta-feira passada, cuja origem é, alegadamente, de uma Estação de Tratamento de Águas Residuais (ETAR) que existe em Leça da Palmeira (Matosinhos).

    A APA explicou ainda que esta situação constituía um “perigo para a saúde pública”. Já Rodrigues de Campos acrescentou que os serviços da Câmara de Matosinhos “estão a proceder à limpeza da areia”. A praia ficou assim interdita “por precaução” até esta segunda-feira, altura em que serão feitas análises à água da praia por parte das autoridades da CM de Matosinhos.

    A Lusa contactou fonte do gabinete de imprensa da Câmara de Matosinhos que confirma que um “camião foi buscar lamas à ETAR", derramou "uma pequena quantidade na estrada" e a operação de limpeza da via acabou por "sujar a conduta de águas pluviais que drena para uma praia não concessionada, entre o aterro e o Cabo do Mundo”.

    Entretanto, a Surfrider Foundation Porto já reagiu a esta notícia. “Iniciámos, em 2017, uma campanha dedicada à monitorização independente da qualidade das águas na praia entre o Porto e Matosinhos. A razão base é esta da imagem. Continuaremos a agir como uma ONG de Ambiente e Surf dedicada à proteção não só do ambiente, mas também dos seus utilizadores”, frisaram.

     

    Para acompanhar e confirmar live, os dados sobre o estado do mar, pode usufruir da nossa rede de livecams e reports preparada para essa finalidade.

    Visita a nossa Loja Online, encontras tudo o que precisas para elevar o teu nível de surf!

    Segue o Beachcam.pt no Instagram

    Foto - Pereira Elson

    Vídeo - António Gonçalves

Tags
  • Cabo do Mundo
  • matosinhos
  • Contaminação
  • Derrame
  • praia
  • etar
  • Fotografia
    Pereira Elson
  • Fonte
    Redação
pub
similar News
similar
maio 27
Revelados os limites de lotação das praias do Algarve, Tejo e Oeste
junho 02
Realizada a 1ª formação e-learning de Prevenção do Afogamento em Portugal
junho 02
'Verão no Parque' já chegou a mais 4 espaços do concelho de Cascais
junho 02
Caravanismo ilegal originou 92 autos de contraordenação na Costa Vicentina
junho 02
Stephanie Gilmore apostada em chegar ao oitavo título
junho 01
“Enfrentámos muitas dificuldades para o surf chegar aos Jogos”
junho 01
Prolongadas as licenças das escolas de surf emitidas pelo Porto de Leixões
pub