Homepage

  • Petróleo: Ministério do Mar recorre contra cidadãos
    21 agosto 2018
    arrow
    arrow
  • A recordar que a Agência Portuguesa do Ambiente dispensou de estudo de impacto ambiental a prospeção de petróleo ao largo de Aljezur pelo consórcio Eni/Galp.
  • O Ministério do Mar é o responsável pelo furo de prospeção uma vez que em causa está uma licença de título de utilização privativa do espaço marítimo, contra a vontade de mais de 40 mil pessoas.

    O Tribunal Administrativo e Fiscal de Loulé suspendeu o furo de prospeção de petróleo em Aljezur, no Algarve, numa decisão tornada pública no último dia 13. Por sua parte, o Ministério do Mar que é liderado por Ana Paula Vitorino, não proferiu qualquer reação na altura mas, sabe-se agora, recorreu logo no dia seguinte da decisão judicial, insurgindo-se assim contra a decisão do tribunal a favor dos cidadãos.

    A informação é revelada pela Plataforma Algarve Livre de Petróleo (PALP), a responsável pela providência cautelar que travou a atribuição da licença de prospeção ao consórcio Eni/Galp.

    “O Ministério do Mar apresentou recurso da sentença proferida pelo Tribunal Administrativo e Fiscal de Loulé, a qual deferiu a providência cautelar, anteriormente interposta pela PALP, suspendendo a autorização para realizar o furo de prospeção em mar em frente a Aljezur”, lê-se numa nota de imprensa divulgada pela PALP.

    Na mesma nota, a PALP faz saber que irá, certamente, "apresentar contra-alegações" a esta iniciativa, sendo que a partir deste momento, qualquer novo recurso e ou contra-alegações serão decididos pelo Tribunal Central Administrativo do Sul, localizado em Lisboa. 

    Recorde-se que a Agência Portuguesa do Ambiente dispensou de estudo de impacto ambiental a prospeção de petróleo ao largo de Aljezur pelo consórcio Eni/Galp, uma decisão muito polémica que agitou todos os presidentes dos municípios algarvios, o que levou a PALP a impugnar esta decisão em tribunal.

     

    Para acompanhar e confirmar live, os dados sobre o estado do mar, pode usufruir da nossa rede de livecams e reports preparada para essa finalidade.

    Visita a nossa Loja Online, encontras tudo o que precisas para elevar o teu nível de surf!

    Segue o Beachcam.pt no Instagram

    Fotografia: TIP

    Fonte: NAM

Tags
  • Ana Paula Vitorino
  • crime ambiental
  • Tribunal
  • Ministra do Mar
  • Ministério do Mar
  • portugal
  • Petróleo
  • Sustentabilidade
  • mar
  • oceano
  • Natureza
  • praia
  • praias
  • aljezur
  • Costa Vicentina
  • palp
  • Plataforma Algarve Livre de Petróleo
  • hidrocarbonetos
  • GALP
  • ENI
  • cidadãos
  • democracia
  • Oligarquia
  • Algarve
  • apa
  • Agência Portuguesa do Ambiente
pub
similar News
similar
março 30
Camada de ozono acima da Antártida está a recuperar e já travou mudanças preocupantes
março 30
Erupção do vulcão Merapi lança cinzas a 5 mil metros de altura (Vídeo)
março 30
COI mantém qualificação de Tóquio’2020 para 2021
março 30
Clube de Surf de Faro lança Surf & Fitness em Casa
março 30
Empresários de Cascais lançam iniciativa que pode ajudar as escolas de surf
março 30
Municípios de Albufeira e Loulé condicionam acesso às praias
março 30
Alex Botelho concede primeira entrevista após acidente na Nazaré