Homepage

  • Temperaturas começam a subir hoje
    05 julho 2018
    arrow
    arrow
  • A previsão aponta ainda para neblina ou nevoeiro matinal em alguns locais e pequena subida da temperatura máxima, em especial no interior.
  • Os arquipélagos da Madeira e dos Açores e os 18 distritos do continente apresentam hoje um risco muito elevado e elevado de exposição à radiação ultravioleta (UV), segundo Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA).

    De acordo com o IPMA, em risco muito elevado estão as ilhas do Faial, Terceira, Flores e São Miguel, nos Açores, as ilhas da Madeira e do Porto Santo e os distritos de Vila Real, Bragança, Viseu, Guarda, Castelo Branco, Portalegre, Setúbal, Viana do Castelo, Porto, Aveiro, Leiria, Lisboa, Santarém, Évora, Beja e Faro no continente.

    O IPMA colocou também os distritos de Braga e Coimbra em risco elevado.

    Para as regiões com risco muito elevado e elevado, o IPMA recomenda o uso de óculos de sol com filtro UV, chapéu, 't-shirt', guarda-sol e protetor solar, além de desaconselhar a exposição das crianças ao sol.

    Os índices UV variam entre 1 e 2, em que o risco de exposição à radiação UV é baixo, 3 a 5 (moderado), 6 a 7 (elevado), 8 a 10 (muito elevado) e superior a 11 (extremo).

    O IPMA prevê para hoje no continente períodos de céu muito nublado, apresentando-se geralmente muito nublado no litoral das regiões Norte e Centro até ao fim da manhã e tornando-se pouco nublado ou limpo na região Sul.

    Está também prevista a possibilidade de ocorrência de períodos de chuva fraca no litoral das regiões Norte e Centro.

    A previsão aponta ainda para vento em geral fraco predominando de noroeste, soprando moderado a partir da tarde no litoral e nas terras altas, neblina ou nevoeiro matinal em alguns locais e pequena subida da temperatura máxima, em especial no interior.

    As temperaturas mínimas no continente vão oscilar entre os 10 graus Celsius (na Guarda) e os 17 (em Faro e Lisboa) e as máximas entre os 20 graus (em Viana do Castelo) e os 29 (em Faro, Évora, Beja e Castelo Branco).

    Três concelhos do distrito de Faro em risco muito elevado

    Os concelhos de Castro Marim, Tavira e Alcoutim, no distrito de Faro, apresentam hoje um risco muito elevado de incêndio, segundo o Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA).

    O IPMA colocou também em risco elevado de incêndio os concelhos de Loulé, São Brás de Alportel, Silves, Lagos, Aljezur e Portimão, no distrito de Faro, e Odemira, Almodóvar e Mértola, em Beja.

    O risco de incêndio determinado pelo IPMA engloba cinco níveis, que podem variar entre o reduzido e o máximo.

    O cálculo é feito com base nos valores observados às 13:00 em cada dia relativamente à temperatura do ar, humidade relativa, velocidade do vento e quantidade de precipitação nas últimas 24 horas.

    Também podes consultar a nossa previsão de Surf e Praia para esta semana.

     

    Para acompanhar e confirmar live, os dados sobre o estado do mar, pode usufruir da nossa rede de livecams e reports preparada para essa finalidade.

    Visita a nossa Loja Online, encontras tudo o que precisas para elevar o teu nível de surf!

    Segue o Beachcam.pt no Instagram

    Fotografia: Lary Robby

Tags
  • julho
  • Previsão
  • Previsão do tempo
  • temperaturas
  • meteorologia
  • risco
  • riscos
  • aviso
  • avisos
  • muito elevado
  • alertas
  • Incêndio
  • Instituto Português do Mar e da Atmosfera
  • ipma
  • meteo
  • tempo
  • chuva
  • sol
  • calor
  • Raio UV
  • Radiação Ultravioleta
  • portugal
pub
similar News
similar
outubro 21
Salvamentos aumentaram nas praias portuguesas na época balnear de 2020
outubro 22
Cerca de 1 milhão de toneladas de equipamentos de pesca chega aos oceanos anualmente
outubro 22
BV2, o novo modelo da Chilli Surfboards já está disponível em Portugal
outubro 22
Surfista preso em zona de falésia é resgatado em Aljezur
outubro 22
Bernardo Jerónimo avança mais uma ronda no Frontón King 2020
outubro 22
Bom Petisco Cascais Pro alimentado a 60% com energia solar
outubro 21
Costa da Morte, na Galiza, quer ser Reserva Mundial de Surf
pub