Homepage

  • Um arranque cheio de surpresas!
    05 junho 2018
    arrow
    arrow
powered by
  • Meo
  • Mercedes
  • Buondi
Segue-nos nas redes
  • Facebook
  • Twitter
  • Instagram
  • Red Bull Cliff Diving World Series 2018: primeira etapa no Texas
  • Está dado o tiro de partida de mais uma edição do Red Bull Cliff Diving World Series. O lago de Possum Kingdom, no Texas, foi o cenário escolhido para a abertura da décima temporada. Os resultados contrariaram por completo todos os prognósticos, com novos atletas a tomarem de assalto os lugares cimeiros da competição, deixando os Campeões em título fora do pódio.

     

    Depois de alguns meses de pausa, os melhores especialistas de saltos para a água de grande altura voltaram no último fim de semana (2 de junho) ao ativo para cumprir a primeira etapa deste ano do Red Bull Cliff Diving World Series. No ano em que se assinala a décima temporada do circuito mundial, as águas paradas do lago de Possum Kingdom, situado nas profundezas do Texas, voltaram a ter as honras da abertura.

     

    Contrariando todos os prognósticos, a jornada acabou por ficar marcada pelo domínio de novos atletas, deixando os campeões em título fora dos lugares de honra. O britânico Gary Hunt – vencedor de seis edições do circuito – não foi além do oitavo lugar, enquanto a australiana Rhiannan Iffland não conseguiu mais do que um modesto quarto.

     

    Em masculinos a grande sensação foi mesmo o polaco Kris Kolanus, que alcançou aqui a primeira vitória da sua carreira. “Vencer era mesmo o plano! Apostei em fazer os meus saltos mais complicados e consegui manter o plano, tudo correu às mil maravilhas. A receita foi mesmo esta, fazer saltos com elevado grau de dificuldade”. Mas as surpresas não ficaram por aqui, com os restantes lugares do pódio a serem ocupados, respetivamente, pelo checo Michal Navratil e pelo britânico Blake Aldridge.

     

    Nas mulheres acabou por reinar a mexicana Adriana Jimenez, a vencedora da etapa açoriana do ano passado. No entanto, a atleta de 33 anos só respirou de alívio mesmo depois do último salto do dia, já que a diferença final das três primeiras classificadas foi de apenas 0,6 pontos! “Confesso que não esperava este resultado e basta olhar para as pontuações para perceber como foi a competição – muito apertada mesmo”. Destaque ainda para o primeiro pódio conquistado pela wildcard britânica Jessica Macaulay, naquela que foi apenas a sua segunda competição nesta modalidade. A veterana alemã Anna Bader encerrou as medalhas e mostrou que continua a ser uma referência a ter em conta.

     

    Toda a ação no Texas pode ser revista na Red Bull TV em https://www.redbull.tv/live/AP-1VH2NHSJW1W11/red-bull-cliff-diving-world-series. Os fãs podem também receber as últimas notícias, vídeos e fotografias no seu smartphone graças ao novo serviço de mensagens (Red Bull Cliff Diving Messenger Service), através das aplicações WhatsApp e Facebook Messenger.

     

    A próxima etapa do Red Bull Cliff Diving World Series viaja no fim do mês até Bilbau, com saltos a partir de uma ponte com vista para o celebre museu Guggenheim.

     

    CALENDÁRIO 2018

    RED BULL CLIFF DIVING WORLD SERIES

    2 junho                | Texas, E.U.A.

    30 junho            | Bilbau, ESPANHA

    14 julho               | São Miguel, Açores, PORTUGAL

    5 agosto             | Sisikon, SUÍÇA

    25 agosto         | Copenhaga, DINAMARCA

    8 setembro     | Mostar, BÓSNIA HERZEGOVINA

    23 setembro  | Polignano a Mare, ITÁLIA

     

     

     

Tags
  • Red Bull Cliff Diving
  • Texas
similar News
similar
junho 29
Título nacional vai ser discutido por 12 surfistas!
junho 29
Garrett McNamara: 'Devo ao oceano tudo aquilo que alcancei na vida'
junho 29
O surf e a responsabilidade de ajudar a proteger os oceanos
junho 28
Surfrider Foundation Europe promove limpeza da foz do rio Trancão na quinta-feira
junho 29
Torneira gigante que despeja plásticos dá nas vistas no Parque das Nações
junho 28
Campeões do III São Vicente SUP Challenge coroados em Ponta Delgada
junho 28
Teresa Bonvalot fez o pleno de conquistas nos Açores