Homepage

  • Protesto contra o petróleo a nível nacional
    04 junho 2018
    arrow
    arrow
  • Fonte
    Redação
powered by
  • Meo
  • Mercedes
  • Buondi
Segue-nos nas redes
  • Facebook
  • Twitter
  • Instagram
  • Cordão humano a ser realizado durante 20 minutos a partir das 15 horas do próximo dia 7 de julho, através da ação de surfistas, bodyboarders e nadadores.
  • Está marcado para o próximo dia 7 de julho um protesto a nível nacional contra o furo de Aljezur e a possível exploração de combustíveis fósseis em Portugal. Esta propõe-se a ser uma ação conjunta no mar ao nível de toda a costa de Portugal continental e dá pelo nome de “Petróleo é má onda”.

    O evento está a ser divulgado pelas redes sociais, nomeadamente o Facebook, e faz uma convocatória para um cordão humano a ser realizado durante 20 minutos a partir das 15 horas do próximo dia 7 de julho, através da ação de surfistas, bodyboarders e nadadores.

    Esta é uma ação prevista para todas as praias de Portugal Continental e que tem como objetivo reclamar “o espaço do mar como espaço público de todos e contestar a prospeção de hidrocarbonetos promovida pelo estado português que avança em contrassenso e sem estudos ambientais, contra a opinião dos seus habitantes”.

    O movimento apela ainda a que todos os interessados na defesa do mar reúnam um grupo na praia a que pertencem, à mais próxima onde vivem ou à que costumam frequentar e levem todos uma cruz preta pintada na testa em forma de protesto. Assim como também pedem que o evento seja partilhado para alcançar uma escala nacional.

    “Por um futuro sem furos e pela proteção do ecossistema partilhado por todos, somos a favor da transição energética para as renováveis e descarbonização do país, especialmente tendo em conta os incríveis recursos naturais que temos, como as ondas, o vento e o sol”, pode ler-se no evento.

    Esta ação surge na sequência dos vários protestos que já se realizaram ao longo do país e que agora ganham contornos a nível nacional. Isto depois de a Agência Portuguesa do Ambiental ter dado o aval para a realização do furo ao largo da costa algarvia e alentejana, mais concretamente em Aljezur.

     

    Para acompanhar e confirmar live, os dados sobre o estado do mar, pode usufruir da nossa rede de livecams e reports preparada para essa finalidade.

    Visita a nossa Loja Online, encontras tudo o que precisas para elevar o teu nível de surf! 

    Foto: Sul Informação

    Segue o Beachcam.pt no Instagram

Tags
  • Petróleo
  • Praias
  • Protesto
  • Portugal
  • aljezur
  • Fonte
    Redação
similar News
similar
abril 10
Liga MEO Surf: Definidos os finalistas do Allianz Ericeira Pro
abril 09
Academy of Surfing Instructors Portugal promove curso de Treinadores de Surfing Grau 1
abril 09
BV2 e Volume II, os mais recentes modelos em Twin Tech EPS da Chilli Surfboards
abril 09
FPS vai realizar formação de Resgate e Sobrevivência com Moto de Água
abril 08
FPS lança primeiro curso grau 2 de bodyboard
abril 09
Miguel Blanco é baixa por lesão em Ribeira d'Ilhas
abril 09
14 distritos sob aviso amarelo devido à previsão de chuva, trovoada e queda de granizo