Homepage

  • Surfista bate Recorde Nacional de Apneia!
    18 maio 2018
    arrow
    arrow
  • Recorde pertence ao nadador salvador e surfista, André Morais, uma das caras mais conhecidas da Linha de Oeiras/Cascais.
  • André Morais, de 28 anos, é o novo recordista nacional de apneia na disciplina de Dinâmica sem Barbatanas, nadando uma distância de 110m.

    Foram alcançados dois novos Recordes Nacionais em Masculinos e Femininos. A atleta Cátia Machado, do Clube Naval de Rabo de Peixe, conseguiu atingir a marca de 92m, na disciplina de Apneia Dinâmica sem Barbatanas, e, André Morais, de Lisboa, nadou uma distância de 110m, também na disciplina de Dinâmica sem Barbatanas.

    André Morais é uma cara conhecida das praias da Linha de Oeiras e Cascais. O surfista, activista, nadador-salvador local de Paço de Arcos, foi umas das maiores surpresas deste meeting.

    Na Cerimónia da Entrega de Prémios – que aconteceu na noite de sábado, no Bar do CNH, onde foi servido o jantar – José Decq Mota, Presidente da Direcção do Clube Naval da Horta, manifestou “enorme satisfação não só pelo facto de este evento ter decorrido muito bem em todos os os aspectos organizativos como, também, por ter sido palco de registo de novos recordes nacionais”.

    - Gabinete de Imprensa do Clube Naval da Horta (CNH): Como decorreu a prova?

    - Simone Martins: A competição decorreu de forma normal, sem percalços para a Organização. Todos os atletas deram o seu máximo nas 3 disciplinas em prova (Apneia Estática, Apneia Dinâmica com e sem Barbatanas), o que tornou esta competição especialmente interessante de acompanhar, onde a incógnita sobre os vencedores se manteve até ao fim.

    Para quem não acompanha esta modalidade, e de forma resumida, na disciplina de Apneia Estática, o objectivo é ficar o máximo de tempo submerso, ao passo que nas Apneias Dinâmicas, pretende-se nadar debaixo de água a maior distância possível. O tempo da Estática e os metros realizados são convertidos em pontos. A soma dos pontos de todas as disciplinas dá a classificação geral.

    (CNH): Os objectivos foram cumpridos?

    - Simone Martins: Totalmente! Esta foi uma competição inicialmente planeada para dar a  oportunidade aos muitos apneístas que treinam actualmente no Faial de participarem pela primeira vez numa competição. São atletas que têm participado nos treinos semanais organizados pelos atletas do CNH, Paulo Nóbrega e Simone Martins. Como uma grande parte desses atletas são de outras nacionalidades, decidiu-se avançar para a realização de um Meeting Internacional, onde eles poderiam participar e pontuar para a classificação. No entanto, percebeu-se que havia interesse por parte de outros atletas, o que valorizou bastante esta prova em termos competitivos.

    (CNH): Foram alcançados novos recordes...

    - Simone Martins: A maioria dos atletas conseguiu superar as suas marcas e, como resultado, foi possível testemunhar a realização de dois novos Recordes Nacionais em Masculinos e Femininos. A atleta Cátia Machado, do Clube Naval de Rabo de Peixe, conseguiu atingir uma excelente marca de 92m, na disciplina de Apneia Dinâmica sem Barbatanas, superando a anterior marca de 85m, da atleta Simone Martins, do Clube Naval da Horta.

    Em Masculinos, destacamos a conquista de um Recorde Nacional, também na disciplina de Dinâmica sem Barbatanas, pelo atleta lisboeta da Salvimar, André Morais, nadando uma distância de 110m.

    De realçar, ainda, as boas prestações da atleta francesa Betty Lalgbauer, que ganhou nas disciplinas de Estática e Dinâmica com Barbatanas; e do faialense Décio Leal, que ganhou também na Dinâmica com Barbatanas.

    Na Classificação Geral, que elege o atleta mais completo da prova, a apneísta do CNH, Simone Martins, conseguiu o primeiro lugar nos Femininos, e, André Morais, em Masculinos.

    (CNH): A Organização está satisfeita?

    - Simone Martins: Está plenamente satisfeita! Quando tudo corre como esperado e vemos satisfação em todos os atletas, temos de estar satisfeitos.

    (CNH): Qual o ‘feedback’ dos participantes?

    - Simone Martins: Não podia ser melhor. Todos os atletas elogiaram a Organização, não tendo havido atrasos ou outros factores que, de alguma forma, pudessem ter prejudicado a sua prestação.

    Outro aspecto referido pelos participantes, foi o bom ambiente que se viveu durante a prova. Notou-se um convívio entre todos os atletas com troca de experiências, o que acaba por favorecer o desenvolvimento desta actividade desportiva e o entusiasmo por parte de todos. 

    A meteorologia também ajudou e permitiu que os atletas de fora da ilha pudessem visitar alguns pontos turísticos e levar a melhor impressão do Faial em todos os aspectos.

    Da nossa parte só nos resta dar os parabéns ao André e que conte muitas vitórias!

     

    Para acompanhar e confirmar live, os dados sobre o estado do mar, pode usufruir da nossa rede de livecams e reports preparada para essa finalidade.

    Visita a nossa Loja Online, encontras tudo o que precisas para elevar o teu nível de surf! 

    Segue o Beachcam.pt no Instagram

    Fonte e Fotografias: Okeano, CNH e Taporonde

     

Tags
  • André Morais
  • André Abreu Morais
  • Surfista
  • nadador salvador
  • apneia
  • recorde
  • recorde nacional
  • açores
  • horta
  • meeting
  • 110 metros
  • Apneia Dinâmica sem Barbatanas
  • mergulho
  • linha
  • cascais
  • oeiras
  • Paço de Arcos
  • surf
  • salvimar
similar News
similar
setembro 20
Kanoa Igarashi, de vice-campeão mundial ISA à prata olímpica em casa
setembro 21
FPS lança a Semana do Surfing
setembro 21
Época balnear em Espinho prolongada até 26 de setembro
setembro 21
Save The Waves Film Fest Azores Tour chega ao Pico
setembro 20
Joana Schenker vai ajudar a limpar a Praia da Mareta
setembro 20
Finalíssima de Trestles foi o dia de competição mais visto de sempre em provas WSL
setembro 20
Inscrições reabertas para a etapa inaugural do Circuito de Surf do Ericeira Surf Clube