Homepage

  • SUP'er' invasão no “Porto & Matosinhos Wave Series”
    14 maio 2018
    arrow
    arrow
  • Ação e muita competitividade nas duas provas de Sup Wave e Race Técnico
  • Os melhores atletas de stand up paddle (SUP) dominaram, este domingo, o quadro da competição do “Porto & Matosinhos Wave Series”. A etapa do Circuito Nacional de SUP Wave viu disputar os primeiros lugares para o ranking nacional da modalidade nas ondas da praia Internacional do Porto. Dia de muita ação também com a prova de Race Técnico que deu espetáculo às centenas de pessoas que assistiram à competição.

    24 atletas enfrentaram, este domingo, o mar da Praia Internacional do Porto na segunda etapa do Circuito Nacional de SUP Wave. Numa final muito disputada entre Simão Manuel, Pedro Casqueira e Diogo Queimada, foi Simão quem levou a melhor e conquistou o primeiro lugar com 10.90 pontos. Pedro Casqueira classificou-se em segundo com um score de 9 pts e Diogo Queimada, na terceira posição, com 8.93 pontos.

    Já o SUP Race Técnico foi disputado nas classes 12’6, 14’0, all-round e feminino, contando com 40 atletas inscritos. A prova integrou um circuito de, aproximadamente, 3,5 km com partida no areal, passando a rebentação e rondando as boias colocadas ao longo da praia e na rebentação. À semelhança das competições internacionais, esta foi uma prova com condições muito desafiantes que colocaram os atletas à prova.

    Na categoria 12’6, o pódio foi atribuído aos três primeiros do ranking da modalidade. Filipe Meira foi o vencedor com um tempo de 35:56.68. Ruben Afonso (36:22.08) e Renato Queirós (40:28.68) seguem em segundo e terceiro lugar, respetivamente.

    Na classe de 14’0, Diogo Sousa terminou na primeira posição, com 39:06.49, seguido de Jano Rodrigues (42:39.40) e Rui Ramos (42:47.98).

    No 12’6 feminino, Angela Fernandes mostrou garra desde o primeiro minuto. A atleta completou a prova em 47:17.76, uma vantagem de cerca de 7 minutos em relação a Marta Salaberi (54:39.52). Em terceiro, surge Diana Gil (58:35.00).

    No all around, Ricardo Maciel assumiu a primeira posição com um tempo de 47:17.76 com José António Gaio (54:39.52) e Detlef Muller (32:45.78) a subir ao pódio na segunda e terceira posição, respetivamente.

    A segunda etapa dos Circuito Nacional de SUP Wave e Race encontra-se inserida no cartaz do Log Surf Fest 2018 Powered by Mazda, organizado pela Onda Pura com as Câmaras Municipais do Porto e de Matosinhos. O evento é apoiado pela Federação Portuguesa de Surf, Associação Onda do Norte e pela entidade Regional do Turismo de Porto e Norte de Portugal. Conta com o patrocínio oficial da Mazda/Grupo AutoSueco e com os apoios de Activo Bank, Somersby, Vitalis, Ramirez, Hospital de Santa Maria – Porto, Abreu Viagens, Açaí Amazon, MEO, Solinca, Booínga Café, MixPão, Chef Tapioca, Be Stronger, Azurara Parque Aventura e Edifício Transparente, com a colaboração mediática da FUEL TV e MEO Beachcam.

    Para acompanhar e confirmar live, os dados sobre o estado do mar, pode usufruir da nossa rede de livecams e reports preparada para essa finalidade.

    Visita a nossa Loja Online, encontras tudo o que precisas para elevar o teu nível de surf! 

    Segue o Beachcam.pt no Instagram

    Fotos - Tó Mané Photography

Tags
  • Log Surf Fest
  • Porto & Matosinhos Wave Series 2018
  • sup
  • Praia Internacional do Porto
  • porto
  • matosinhos
  • Surf
  • Portugal
  • turismo de portugal
pub
similar News
similar
outubro 22
Manuel Gameiro, do Ribatejo para o topo do surf nacional
outubro 21
Salvamentos aumentaram nas praias portuguesas na época balnear de 2020
outubro 22
Cerca de 1 milhão de toneladas de equipamentos de pesca chega aos oceanos anualmente
outubro 22
BV2, o novo modelo da Chilli Surfboards já está disponível em Portugal
outubro 22
Surfista preso em zona de falésia é resgatado em Aljezur
outubro 22
Bernardo Jerónimo avança mais uma ronda no Frontón King 2020
outubro 22
Bom Petisco Cascais Pro alimentado a 60% com energia solar
pub