Homepage

  • Japoneses e a carnificina de baleias grávidas
    31 maio 2018
    arrow
    arrow
  • Fonte
    Redação
powered by
  • Meo
  • Mercedes
  • Buondi
Segue-nos nas redes
  • Facebook
  • Twitter
  • Instagram
  • País defende-se com necessidades de pesquisas científicas, mas não esconde que a carne de baleia é vendida para consumo depois de realizada a tal “pesquisa científica”.
  • Apesar de ser cada vez mais criticada, a caça de baleias por parte de baleeiros japoneses está longo de chegar ao fim. Um relatório divulgado pela CNN deu conta da morte de 122 baleias grávidas num total de 333 animais entre novembro de 2017 e março de 2018, através da pesca por parte dos japoneses.

    Uma decisão da Organização das Nações Unidas de 2014 condenou o que chamou de “pesquisa letal” de baleias. Num novo “plano de pesquisa” publicado após a decisão da ONU, o país disse que esta era uma “necessidade científica” para entender mais o ecossistema antártico por meio da captura e da análise de animais.

    Os caçadores de baleias japoneses atuam num espaço a que o país asiático chama de “Programa de Pesquisa de Baleias no Oceano Antártico”. A morte dos 333 animais aconteceu durante a terceira investida do projeto na região, que é chamada de “pesquisa de campo biológica”. No entanto, o país não esconde que a carne de baleia é vendida para consumo depois de realizada a tal “pesquisa científica”.

    “A morte de 122 baleias grávidas é uma estatística chocante”, reagiu Alexia Wellbelove, da associação ambientalista Humane Society International, através de um comunicado. “Esta é mais uma demonstração da natureza verdadeiramente horrível e desnecessária das operações baleeiras”, frisou Wellbelove.

    O Japão justificou, mais uma vez, esta caça com base numa isenção na lei internacional que permite que os animais sejam mortos para fins científicos. No entanto, há quem diga que as necessidades científicas já estavam preenchidas. A Austrália protestou mesmo esta ação no Tribunal Internacional da Justiça.

    Esta constante caça à baleia pelos japoneses está ligada ao consumo da carne no país. Apesar de ter vindo a diminuir nos últimos anos, comer carne de baleia é um ato cultural no país do sol nascente. Mas esta constante caça poderá colocar a espécie em vias de extinção. O relatório mostra ainda que das 330 baleias caçadas 61 machos e 53 fêmeas ainda eram jovens.

     

    Para acompanhar e confirmar live, os dados sobre o estado do mar, pode usufruir da nossa rede de livecams e reports preparada para essa finalidade.

    Visita a nossa Loja Online, encontras tudo o que precisas para elevar o teu nível de surf! 

    Segue o Beachcam.pt no Instagram

Tags
  • Japão
  • Baleias
  • Caça
  • Fonte
    Redação
similar News
similar
maio 12
Já ouviram falar do peixe-futebol-do-Pacífico? Deu à costa numa praia da Califórnia
maio 12
Câmara Municipal de Mafra vai requalificar Praia do Matadouro
maio 12
Época balnear vai começar a 12 de junho na maior parte dos municípios
maio 12
AESDP anuncia que está em vigor nova via de acesso ao Título Profissional de Treinador de Desporto
maio 12
Voluntarios recolheram 200 kg de lixo na Praia da Cordoama
maio 11
Embarcação auxiliar local naufragou ao largo da Praia da Fuseta
maio 11
Removida baleia-anã arrojada na barra do porto de Portimão