Homepage

  • Ondas vão dobrar tamanho em 100 anos
    19 abril 2018
    arrow
    arrow
  • Fonte
    Redação
powered by
  • Meo
  • Mercedes
  • Buondi
Segue-nos nas redes
  • Facebook
  • Twitter
  • Instagram
  • Estudo norte-americano, que teve como exemplo o Taiti, prevê consequências do constante desaparecimento de corais.
  • E se dentro de pouco menos de 100 anos as ondas tivessem mais do dobro do tamanho do que atualmente? A Associação Norte-americana para o Avanço da Ciência publicou na sua revista “Science Advances” um estudo que dá conta da possibilidade de em 2100 as ondas poderem ter mais 2,4 vezes do tamanho em relação ao presente.

    Este aumento do tamanho das ondas apresenta-se como uma consequência da constante deterioração dos corais de recife. Isto porque, segundo o estudo, são as barreiras de coral que ajudam a fazer com que as ondas não cheguem mais pequenas à costa, devido às suas cavidades e gretas. Dessa forma, podem relaxar, pois as ondas da Nazaré talvez não cheguem aos 60 metros.

    A permanente morte dos recifes durante o presente século, por causa do aquecimento global, poderá fazer com que determinadas ondas dobrem o seu tamanho. O estudo centrou-se em algumas zonas do Taiti, uma região no Pacífico bem famosa pelas ondas de coral. No entanto, os cientistas acreditam que este cenário se aplique a outros pontos do globo, sobretudo onde há coral.

    Tento em conta a conclusão do estudo e o local onde foi testado, podemos imaginar como seria uma ondulação XXL no famoso pico de Teahupoo em 2100. Se o famoso “Red Code” de 2011 já causou um impacto visual único, com tubos na casa dos 5 metros, imaginem ondas com o dobro do tamanho.

     

    Para acompanhar e confirmar live, os dados sobre o estado do mar, pode usufruir da nossa rede de livecams e reports preparada para essa finalidade.

    Visita a nossa Loja Online, encontras tudo o que precisas para elevar o teu nível de surf! 

Tags
  • Taiti
  • ondas
  • XXL
  • Corais
  • Fonte
    Redação
similar News
similar
julho 31
Porque motivo este verão está a ser tão ventoso? Pedro 'Pecas' explica
julho 28
Em Tóquio'2020, regressou o bom e velho Owen Wright: 'Muitos pensavam que não ia chegar às medalhas'
julho 28
Japão foi o país mais medalhado na prova olímpica de surf
julho 30
Projeto Ericeira WSR+10 discutiu o Turismo de Surf em nova conferência
julho 30
David Raimundo: “2021 foi o ano que mais me marcou”
julho 29
Yolanda Hopkins: “Se alguém me apoiar a sério, não vou desiludir”
julho 29
Frederico Morais já regressou aos treinos no mar