Homepage

  • Derrame na Indo: Governo quer caçar culpados
    10 abril 2018
    arrow
    arrow
  • Fonte
    Redação
powered by
  • Meo
  • Mercedes
  • Buondi
Segue-nos nas redes
  • Facebook
  • Twitter
  • Instagram
  • Entidades locais garantem que já foi limpo do mar 90 por cento do petróleo derramado, mas as associações ambientais continuam alarmadas com a situação.
  • Já passaram cerca de 10 dias do derrame de petróleo que espalhou o terror junto à costa do Bornéu, na Indonésia, e ainda não foram encontrados os culpados. Mas, segundo os meios de comunicação locais, o governo indonésio não descansa e lançou uma caça em busca dos culpados pelo acidente que causou a morte de cinco pescadores e levou mais de mil pessoas a serem hospitalizadas.

    Segundo o “Jakarta Post” a polícia local continua a investigar a cena deste crime ambiental, tendo já interrogado dezenas de testemunhas. “Interrogámos 22 testemunhas até agora”, confirmou Brig. Gen. M. Iqbal, porta-voz da Polícia Nacional, à comunicação social na segunda-feira. “A nossa equipa também mergulhou ao fundo do mar, para tirar fotos e filmar o local do rompimento”, frisou.

    Entretanto, a companhia estatal de petróleo e gás Pertamina já admitiu que um dos seus tubos por onde era conduzido o petróleo terá causado o derrame que se estendeu por 130 quilómetros quadrados na Baía Balikpapan, pegando depois fogo e lançando o pânico na região. Ainda assim, as entidades locais procuram perceber o que motivou o desastre.

    A mesma fonte refere que as equipas rápidas de remoção do petróleo da água já conseguiram retirar cerca de 90 por cento do crude. No entanto, estes dados não descansam as associações ambientais, que se demonstram bastante preocupadas com o impacto ambiental que este derrame possa ter causado no ecossistema local.

    Se esta situação não chega para abrir os olhos, clica aqui para ler dez razões pelas quais a exploração de hidrocarbonetos em Portugal não é viável.

     

    Para acompanhar e confirmar live, os dados sobre o estado do mar, pode usufruir da nossa rede de livecams e reports preparada para essa finalidade.

    Visita a nossa Loja Online, encontras tudo o que precisas para elevar o teu nível de surf!

    Segue o Beachcam.pt no Instagram

Tags
  • Indonésia
  • Desastre ambiental
  • Petróleo
  • Fonte
    Redação
similar News
similar
fevereiro 06
Gustavo Ribeiro é vice-campeão do mundo de skate
fevereiro 01
Surf nacional lamenta perda de Pedro Lacerda
fevereiro 03
Lucas Fink, de Ipanema para as ondas grandes da Nazaré com a prancha de skimboard: 'Se o teu sonho não te dá medo, não estás a sonhar alto'
fevereiro 03
Sol e temperaturas acima dos 20ºC no primeiro fim de semana de fevereiro
fevereiro 03
Está a chegar o Circuito Regional de Surf do Sul 2023!
fevereiro 02
Tempo frio ainda deixa três distritos sob aviso amarelo
fevereiro 02
Praia da Empa coroou vencedores do Science Ericeira 2022