Homepage

  • Assim terminou a parte desportiva Caparica Primavera Surf Fest 2018.
  • O Caparica Primavera Surf Fest 2018 (22 a 31 de Março) terminou com o ecletismo que se tornou a sua marca registada.

    Depois de 8 dias em que passaram pelas praias do Dragão e Paraíso, etapas nacionais, europeias e mundiais de surf, bodyboard, longboard, exibições de kitesurf, o último dia trouxe o SUP Wave, o SUP Race técnico, exibições de kayak surf, o bodysurf e o Skimboard.

    No que diz respeito ao SUP Wave, aquela que seria a primeira etapa do Nacional da modalidade foi adiada para data a definir por não haver condições para a prática da modalidade, com ondulação excessiva a atingir a Costa da Caparica.

    Houve, mesmo assim, lugar à primeira etapa do Nacional de SUP Race Técnico, na Cova do Vapor, com o polivalente Filipe Meira (Surf Clube de Sesimbra) a vencer a prova de  12’6” Open enquanto Angela Fernandes, do Surf Clube de Viana, arrecadou a vitória na prova de 12’6” feminina.

    Entretanto, na classe de 14’ Open, Diogo Sousa levou para a casa o troféu conquistado na Cova do Vapor, em condições muito complicadas de vento, corrente e ondulação.

    “Mega” vence skimboard

    O Skimboard deu grande espectáculo graças à introdução de um “winch”, um mecanismo motorizado que puxava os skimboarders a grande velocidade contra as ondas, possibilitando manobras aéreas de grande impact visual.

    Neste formato denominado “Best Trick Award”, o experiente Emanuel Embaixador, mais conhecido no meio da modalidade como “Mega”, acabou por vencer o troféu.

    “Tivemos boas ondas e com a maré mais cheia, o que nos permitiu dar um bom espectáculo. Este é o segundo ano em que participamos com o “winch” no Caparica Primavera Surf Fest e, como tal, os atletas estavam mais adaptados e conseguiram fazer melhores exibições”, comentou Emanuel Embaixador.

    António Stott “entuba” para a vitória

    Finalmente, para o encerramento do Caparica Primavera Surf Fest 2018, uma magnífica exibição de bodysurf, com o campeão nacional de 2015, António Stot, a assinar a melhor onda do evento, um tubo, na final e, assim, garantir a vitória na Ahua Expression Session.

    “Estou muito contente com esta vitória. Foi difícil, porque não estava com ritmo, mas consegui, apesar desta excelente concorrência. Obrigado a todos, estou mesmo muito feliz”, declarou Stott.

    Assim terminou a parte desportiva Caparica Primavera Surf Fest 2018, mega evento de desportos de ondas e música, que à noite se despediu com um cartaz musical de luxo, encabeçado por Sara Tavares.

    Fiquem atentos, pois para o ano há mais!

     

    Para acompanhar e confirmar live, os dados sobre o estado do mar, podes usufruir da nossa rede de livecams e reports preparada para essa finalidade.

    Visita a nossa Loja Online, encontras tudo o que precisas para elevar o teu nível de surf!

    Segue o Beachcam.pt no Instagram

Tags
  • Caparica Primavera Surf Fest
  • Costa de Caparica
  • Almada
  • surf
  • Música
  • sara tavares
  • ricky boy
  • loony johnson
pub
similar News
similar
março 30
Camada de ozono acima da Antártida está a recuperar e já travou mudanças preocupantes
março 30
Erupção do vulcão Merapi lança cinzas a 5 mil metros de altura (Vídeo)
março 30
COI mantém qualificação de Tóquio’2020 para 2021
março 30
Clube de Surf de Faro lança Surf & Fitness em Casa
março 30
Empresários de Cascais lançam iniciativa que pode ajudar as escolas de surf
março 30
Municípios de Albufeira e Loulé condicionam acesso às praias
março 30
Alex Botelho concede primeira entrevista após acidente na Nazaré