Homepage

  • Ao lado do irmão Tanner e do amigo Dylan Graves, Pat foi direto para J-Bay
  • Quando Gudauskas embarcou para a África do Sul, em meados de junho, ele só tinha dois planos: começar a viagem em Durban para o evento 3 estrelas do QS e terminar em Ballito, para o seu primeiro QS importante na agenda de 2017.

    Mas, assim que a etapa de Durban terminou, um grande swell chegou ao Atlântico Sul. Ao lado do irmão Tanner e do amigo Dylan Graves, Pat foi direto para J-Bay, onde encontrou dois dias de altas ondas naquela que dizem ser a melhor direita do mundo.

    Logo depois, empacotou as malas e seguiu para Skeleton Bay, onde surfou a dita melhor esquerda do planeta. E, para completar, a equipe ainda passou um dia com a ONG Surfers Not Street Children, em Durban, antes de voltar aos Estados Unidos.

    Confere já no vídeo acima!

     

    Para acompanhar e confirmar live, os dados sobre o estado do mar, pode usufruir da nossa rede de livecams e reports preparada para essa finalidade.

    Visita a nossa Loja Online, encontras tudo o que precisas para elevar o teu nível de surf!

    Segue o Beachcam.pt no Instagram

Tags
  • África do Sul
  • África
  • Surf
  • J bay
  • Pat Gudauskas
  • Tanner Gudauskas
  • Dane Gudauskas
  • Edge Of Africa
pub
similar News
similar
outubro 22
Arrancou instalação do primeiro parque flutuante europeu
outubro 22
Longboard Sessions despedem-se de 2019 com muita animação
outubro 22
Bodyboard: O Frontón nunca desilude
outubro 09
Longboard Sessions de regresso para a despedida de 2019
outubro 14
Seleção Júnior de Surf prepara Mundial na 'The Cove'
outubro 21
Bodyboard: Tristan Roberts é campeão do mundo contra todas as probabilidades
outubro 21
MEO promove heat especial 'Beat the Plastic Waste' para derrotar o plástico