Homepage

  • Segundo Gabriel Medina: 'Estamos vivendo o futuro, esse é o futuro do surf!'
  • O evento realizado em parceria com a WSL (sócia majoritária da Kelly Slater Wave Company), simplesmente chamado como “The Test” realizado em Lemoore, Califórnia (EUA), teve como objetivo principal, determinar a aparência de uma transmissão futura, assim sendo, enquanto a equipe de transmissão esteve no local, teve como missão explorar novas opções, muitas das quais ainda não estão adequadas ou prontas para o chamado “prime time”. Dito isto, as publicações na WSL foram atualizadas ao longo do dia para ir mostrando alguns fatos divertidos sobre o que por lá ia acontecendo.

    Simplificando, tratou-se de um exercício de pesquisa e desenvolvimento que permite a todas as partes interessadas envolvidas em qualquer evento futuro, possam entender a diversa gama de oportunidades disponíveis. Desde atletas, organizadores, juízes, emissoras, patrocinadores e até mesmo uma delegação dos fundadores do desporto estão presentes para testemunhar a tecnologia que terá um efeito dramático sobre o futuro da evolução do surf.

    Quem espantou todos os presentes, foi o 11x campeão do mundo Kelly Slater que embora não tenha entrado na competição, deu as boas-vindas à multidão e abriu as festividades ao surfar a sua primeira onda desde que partiu o pé em Jeffreys Bay em julho. "Não me importo se demoro mais um mês a recuperar, valeu a pena" – afirmou Kelly - Muitos atletas tiveram algumas dificuldades com as seções tubulares rápidas. “A onda leva-te a desacelerar para entrar no tubo, mas, quando lá estás dentro, tens de pisar no acelerador, porque a segunda metade da seção do tubo é mais rápida que a primeira”.

    Deu-se então inicio ao evento que consistia no seguinte formato, os finalistas seriam definidos depois de dois heats em que cada atleta surfaria duas direitas e duas esquerdas. O somatório seria definido pela melhor nota em cada lado da onda.

    Quem por lá andou a dar espetáculo também, foi o campeão mundial do ano passado John John Florence.

    Depois de muitas ondas perfeitas e muito espetáculo no final foi Gabriel Medina que acabou por sair vitorioso, face ao seu compatriota Filipe Toledo. Medina arrancou com um 7.57 na direita e fez um 6.00 na esquerda. Kanoa e Filipe foram melhores nas direitas, obtendo 8.50 e 9.10, respetivamente, mas não repetiram o mesmo desempenho nas esquerdas, com o norte-americano fazendo 4.50 e o brasileiro apenas 2.33, Adrian Buchan teve um desempenho inverso, abrindo com 4.60 na direita e em seguida, um 8.60 na esquerda.

    No segundo Heat dos finalistas, Gabriel conseguiu melhorar e trocar as suas notas por 8.00 na direita e 8.67 na esquerda, totalizando 16.87 pontos. Kanoa e Ace Buchan não conseguiram melhorar as suas notas, deixando as atenções todas voltadas para Toledo, último a entrar em ação. O vencedor da etapa do CT em Trestles caiu ao mandar um tubo na direita e não conseguiu melhorar o 9.10. Quando foi a vez de surfar a esquerda, correu tudo muito bem, passando até a difícil seção tubular, mas acabou por cair ao mandar um floater, aparentemente cansado, e não conseguiu pontuar um 7.77 nota necessária para ultrapassar Medina.

    Toledo descreveu as ondas do Surf Ranch da seguinte forma - "É perfeito. É aquela onda que sonhamos, que desenhamos no papel. Aquela que você sonha em poder surfar, botar um tubo por 20 segundos, sair e manobrar, manobrar e, em seguida, mandar uma finalização. É fora de série".

    Já Gabriel Mediana afirmou – “Estamos vivendo o futuro, esse é o futuro do surf”

    Na categoria Feminina, quem acabou por ganhar foi a havaiana Carissa Moore, que deixou para trás as australianas Stephanie Gilmore e Tyler Wright.

    Resultados do Future Classic 2017:
    Masculino
    1 Gabriel Medina (BRA)
    2 Filipe Toledo (BRA)
    3 Kanoa Igarashi (EUA)
    4 Adrian Buchan (AUS)

    Feminino
    1 Carissa Moore (HAV)
    2 Stephanie Gilmore (AUS)
    3 Tyler Wright (AUS)

    Para acompanhar e confirmar live, os dados sobre o estado do mar, pode usufruir da nossa rede de livecams e reports preparada para essa finalidade.

    Visita a nossa Loja Online, encontras tudo o que precisas para elevar o teu nível de surf!

    Segue o Beachcam.pt no Instagram

    Foto - WSL/Kenneth Morris

     

Tags
  • Kelly Slater
  • surf ranch
  • filipe toledo
  • gabriel medina
  • Kanoa Igarashi
  • Carissa Moore
  • WSL
  • Surf
  • Piscina de Ondas
  • Kelly Slater Wave Company
pub
similar News
similar
março 27
Foto do sunset português entre as melhores de concurso internacional  
março 27
Imagens espaciais mostram redução drástica da poluição do ar na Europa
março 27
Capítulo Perfeito teve alcance superior a 33 milhões de pessoas
março 27
Está a chegar o horário de Verão!
março 26
Poluição do ar cai a pique em Lisboa
março 27
Hora do Planeta terá formato digital para além do apagão
março 27
Em Ribeira d’Ilhas manda Tomás Fernandes