Homepage

  • Litoral Português comprometido pelas Autárquicas
    26 setembro 2017
    arrow
    arrow
  • Campanha reúne 18 organizações locais e nacionais, que contactaram durante os últimos meses mais de 250 candidaturas em 58 municípios
  • 25% das candidaturas às câmaras municipais do litoral português comprometeram-se até ao momento com o combate à prospeção e exploração de petróleo e gás em Portugal.

    A campanha Autarquias Livres de Petróleo e Gás apresentou este sábado os resultados obtidos até dia 23 de Setembro. 81 cabeças de lista de candidaturas às câmaras municipais desde Matosinhos até Vila Real de Santo António comprometeram-se a fazer tudo para que os seus municípios sejam Zonas Livres de Petróleo e Gás, travando as concessões de prospecção e exploração de petróleo e gás em Portugal.

    Esta campanha, que reúne 18 organizações locais e nacionais, contactou durante os últimos meses 261 candidaturas de vários partidos em 58 municípios afetados pelas concessões de exploração de petróleo e gás. Dificuldades de obtenção de contactos junto da Comissão Nacional de Eleições, câmaras municipais e tribunais levaram a que algumas candidaturas nestes municípios não tivessem sido contactadas. Contudo, a campanha conseguiu contactar mais de 80% dos/das candidatos/as.

    Será que é este futuro que queremos mesmo para as nossas praias? Na hora de votar, façam bem as vossas escolhas. Não sejam fósseis!

    Os resultados, a uma semana do ato eleitoral de 1 de Outubro, são 81 compromissos assinados em 44 municípios, representando 10 partidos políticos. Estes compromissos representam 25% de todas as candidaturas e 28% de todas as candidaturas contactadas. A ausência de qualquer compromisso assinado nos municípios de Alvaiázere, Ansião, Batalha, Cantanhede, Espinho, Lourinhã, Mira, Monchique, Murtosa, Ourém, Peniche, Porto de Mós, São Brás de Alportel e Soure, assim como a ausência de qualquer compromisso por parte de cabeças de lista da CDU são os sinais mais preocupantes obtidos até ao momento. A campanha continuará a receber compromissos através do email info@autarquiaslivresdepetroleo.pt até à véspera do processo eleitoral, atualizando o mapa com a máxima brevidade possível.

    A campanha avalia os resultados obtidos e expressos no mapa (pode ser consultado em autarquiaslivresdepetroleo.pt) como úteis aos eleitores preocupados com a exploração de petróleo e gás em Portugal.

    As organizações envolvidas nesta campanha comprometem-se a continuar luta contra a exploração petrolífera em Portugal até todos os contratos no país terem sido cancelados e se realizar o necessário processo de descarbonização total da economia portuguesa.

    Para acompanhar e confirmar live, os dados sobre o estado do mar, pode usufruir da nossa rede de livecams e reports preparada para essa finalidade.

    Visita a nossa Loja Online, encontras tudo o que precisas para elevar o teu nível de surf!

    Segue o Beachcam.pt no Instagram

    Fotografia: Tróia por Kalux

Tags
  • Eleições Autarquicas
  • Câmaras Municipais
  • Portugal
  • Litoral
  • Lisboa
  • Alentejo
  • Algarve
  • Leiria
  • Sintra
  • Cascais
  • Porto
  • Aveiro
  • Nazaré
  • Petróleo
  • Gás
  • hidrocarbonetos
  • Exploração
  • Sustentabilidade
  • Alterações climáticas
  • Peniche
  • Ambiente
  • Surf
  • Turismo
  • turismo de portugal
  • Poluição
  • Praia
  • Mar
similar News
similar
janeiro 24
Primeiro curso de Treinadores de Nível 1 realizado exclusivamente na Caparica começa este sábado
janeiro 24
Inscrições disponíveis para os primeiros cursos de Treinadores de Surfing Grau I da ASI Portugal em 2022
janeiro 23
Documentário sobre o 7º Capítulo Perfeito vai ser transmitido este domingo na TV portuguesa
janeiro 20
Investigação pede fim do 'consumo excessivo' para travar perda da biodiversidade
janeiro 20
Colónia de peixes com 60 milhões de ninhos é descoberta na Antártida
janeiro 20
É CT e Mundial ISA. El Salvador meteu-se no mapa das grandes competições internacionais de surf
janeiro 20
O tempo vai arrefecer. Temperaturas descem nos próximos dias