Homepage

  • Presença Portuguesa na Seleção Oficial de Filmes
    10 julho 2017
    arrow
    arrow
  • Organização deu destaque especial à presença portuguesa na seleção de filmes deste ano
  • Desde sempre, que este festival incentiva e defende a importância das produções nacionais com o intuito de dar a conhecer, fora de portas, a história do surf em Portugal mas também a cultura de surf tão rica e cada vez mais presente no nosso dia a dia. São infinitas as histórias fascinantes que continuam perdidas ou, simplesmente, sem maneira de se transformarem e passarem ao grande ecrã. Reforçar a marca do território nacional é, sem dúvida, um dos objectivos do festival enquanto plataforma dinamizadora e de celebração da arte, em especial do cinema de surf. É a pensar nisso que damos um destaque especial à presença portuguesa na seleção de filmes deste ano.

    Honras de abertura para SACA

    Saca: o filme de Tiago Pires marca o arranque da 6ª edição do Portuguese Surf Film Festival. Retrata o primeiro surfista profissional português a competir com os melhores do planeta e é uma homenagem a este herói do desporto nacional, cujas conquistas vieram abrir caminho para um nova geração portuguesa, ousada e bem sucedida, no pódio mundial.

    Contar a história do Saca é revisitar o crescimento do surf em Portugal e olhar para os pioneiros na prática desta modalidade, como é o caso de Pedro Martins de Lima, presidente honorário do festival. Será certamente muito interessante assistir a uma sessão Q&A no final do filme com o próprio Tiago Pires, também enriquecida com a presença do Pedro, um símbolo importante e de longevidade do surf em Portugal.

    O FENÓMENO NAZARÉ

    Se tanto os primórdios do surf em Portugal, como o crescimento exponencial dos últimos 20 anos ficarão eternamente registados na história, o que dizer do fenómeno Nazaré? Em 2011, o mundo viria a conhecer a maior onda de sempre surfada do planeta, através da conquista do record do mundo pelo Garrett McNamara. Desde então, são muitos os surfistas de ondas grandes, e curiosos em geral, que fazem da Nazaré um destino obrigatório. O PSFF apresenta três filmes que falam sobre este local já tão mítico; são eles: Wet Dreams, The Endless Winter II e Biarritz Surf Gang.
     
    WET DREAMS

    Este filme, de Pablo Garcia, conta-nos a jornada do surfista chileno de ondas grandes, Rafa Tapia, cujo sonho de quebrar o record mundial na Nazaré o leva a passar aqui uma temporada. É a busca por um feito, que nos deixará em suspense até ao final do filme. Wet Drems será apresentado pelo próprio Rafa, que estará na Ericeira no dia 27, pelas 21.00, para nos contar a sua jornada. Rafa vai também poder responder às perguntas do público, acompanhado pelo realizador.


    THE ENDLESS WINTER II

    Apesar dos nomes estrangeiros que frequentemente ouvimos associados à Nazaré, há um português que foi um enorme catalisador desta ‘revolução’ e que colocou a já famosa vila piscatória no mapa dos melhores surfistas do mundo: Dino Casimiro. O Dino é um dos pioneiros do bodyboard na Nazaré; foi ele que contactou inicialmente o Garrett McNamara com o propósito de vir conhecer e surfar esta onda única. O filme, que será exibido dia 27, pelas 23.00, inclui uma entrevista com o Dino, onde ele conta toda a história. Uma obra de Matt Crocker e James Dean que está recheada de preciosas imagens de arquivo e que faz a road trip clássica pela Europa, desde as ilhas Britânicas, até Marrocos. Dino Casimiro é o convidado especial desta sessão e estará presente para nos falar da Nazaré e da forma como ficará, para sempre, marcada por estes acontecimentos mais recentes.

    BIARRITZ SURF GANG

    A finalizar estará um filme francês, Biarritz Surf Gang, de Nathan Curren e Pierre Denoyel, com imagens de arquivo da Nazaré, décadas antes do fenómeno atual. Mostra um povo nos anos 60, ainda sob o regime da ditadura, que corre para a praia incrédulo, ao ver, pela primeira vez, alguém a “andar nas ondas”.

    São filmes completamente inspiradores, carregados de conteúdo e que nos intrigam. Quatro destaques, quatros boas razões para não perder o próximo Portuguese Surf Film Festival.

    Para acompanhar e confirmar live, os dados sobre o estado do mar, podes usufruir da nossa rede de livecams e reports preparada para essa finalidade.

    Visita a nossa Loja Online, encontras tudo o que precisas para elevar o teu nível de surf!

    Segue o Beachcam.pt no Instagram

Tags
  • Portuguese Surf Film Festival
  • Surf
  • SACA
  • filme
  • cinema
  • tiago pires
  • ericeira
similar News
similar
janeiro 17
Faleceu o lendário shaper havaiano Ben Aipa
janeiro 17
Interdito o acesso ao paredão de Cascais
janeiro 17
Massive Saturday! Jaws recebeu sessão do ano (e talvez da história!)
janeiro 15
Confinamento: AESDP esclarece posição tomada sobre atividade das escolas de surf
janeiro 15
Jaws prepara-se para receber maior ondulação dos últimos anos
janeiro 15
Confinamento: Escolas de surf proibidas de exercer atividade
janeiro 15
'Twiggy' Baker: 'A onda de Mavericks deu-me uma bofetada e mostrou quem manda'