Homepage

  • Mergulhador morre após colisão com barco de recreio
    12 julho 2017
    arrow
    arrow
  • Os tripulantes da embarcação terão sentido o embate e deram com o homem, ainda com vida.
  • Um homem de 37 anos morreu esta madrugada depois de ter sido atingido por um barco.

    O homem, residente em Olhão, praticava caça submarina no canal do porto da Ilha da Fuseta. Estava sem sinalização e o barco de recreio com cerca de cinco metros de comprimento não o viu, tendo passado por cima do homem.

    Previsão de ondas para os próximos dias

    Os tripulantes da embarcação terão sentido o embate e deram com o homem, ainda com vida. Puxaram-no para a embarcação e chamaram o INEM e a Polícia Marítima, por volta das 1h40. No entanto, o homem não resistiu aos ferimentos e acabou por morrer no local.

    Este homem de 37 anos já era conhecido das autoridades marítimas por ser reincidente na prática de caça submarina, mas noutras zonas de Olhão. Até já tinha autos de contraordenação por esta atividade.

    O comandante do Porto de Olhão, Nunes Ferreira, disse que a caça submarina “é proibida na ria Formosa” e “é proibida em qualquer local à noite”. Nunes Ferreira lembra que o canal onde este homem estava a praticar esta atividade “tem muita navegação”.

    Face a este acidente, o comandante Nunes Ferreira deixa um aviso aos praticantes de caça submarina: “É preciso ter atenção às regras de segurança. Muitas das leis não são só de salvaguarda das espécies, mas de segurança das pessoas. Esta é uma prática perigosa e por vezes acontecem situações trágicas destas”.

    Para acompanhar e confirmar live, os dados sobre o estado do mar, podes usufruir da nossa rede de livecams e reports preparada para essa finalidade.

    Visita a nossa Loja Online, encontras tudo o que precisas para elevar o teu nível de surf!

    Segue o Beachcam.pt no Instagram

    Foto: Autoridade Marítima Nacional Fonte: NAM

Tags
  • barco
  • recreio
  • mergulho
  • Mergulhador
  • caça submarina
  • olhão
  • Ria Formosa
  • algarve
  • policia maritima
  • Autoridade Marítima Nacional
pub
similar News
similar
maio 23
Afinal, o verão poderá não ter temperaturas anormais
maio 23
Sexta-feira é dia de greve pelo clima!
maio 22
LUTA PELO SEGUNDO LUGAR DECIDE-SE EM CARCAVELOS
maio 22
O espanhol Marcos Tapia vence o International Adaptive Surf Open
maio 22
Mais de 10 toneladas de lixo todos os anos na costa açoriana
maio 22
Baleias são esperança na luta contra o cancro
maio 22
Melhor praia fluvial da Europa fica no Alentejo