Homepage

  • Na sua edição de 2016 o projeto contou com a participação de mais de 3200 surfistas e banhistas e para este ano a expectativa é que o número cresça
  • Fica a par da previsão de surf para esta semana!

    Assinalando a pré-abertura da época balnear, prestes a iniciar no Algarve, arrancou no passado dia 22 de abril, na Praia da Rocha, a 4ª edição do “Surf Salva”, que tem como novidade este ano promover, em três eventos inéditos, a interação entre nadadores salvadores, surfistas, e todos os outros praticantes de atividades náuticas, realçando a importância do trabalho em equipa para a segurança nas praias portuguesas.

    O número cada vez mais elevado de banhistas e as cerca de 1317 intervenções de nadadores-salvadores realizadas na época balnear passada, dão relevância a este projeto.

    Estão agendados 3 eventos especiais regionais; o primeiro teve lugar a 22 de abril, na Praia da Rocha, a 29 de abril será em Carcavelos e a 6 de maio em Matosinhos. Estas atividades vão permitir aos nadadores salvadores e praticantes de desportos aquáticos como o surf, experienciar em cenário real a utilização de meios complementares como a Moto de Salvamento Marítimo, a Moto 4x4, a Embarcação Salva Vidas e a Prancha de Salvamento.

    Este projeto do Instituto de Socorros a Náufragos (ISN) e do Lidl Portugal, pioneiro na Europa, irá depois percorrer o país visitando 21 praias e oferecendo o acesso a ações de sensibilização e de formação em salvamento aquático e suporte básico de vida, tendo como objetivo ajudar a reduzir o número de afogamentos. A iniciativa, disponível também para os banhistas, conta ainda com a participação da Liga Portuguesa Contra o Cancro (LPCC), que estará presente com ações de sensibilização para a importância da prevenção do cancro de pele, com uma atenção especial para os nadadores salvadores que estão, durante a época balnear, muitas horas expostos ao sol.

    Na sua edição de 2016 o projeto contou com a participação de mais de 3200 surfistas e banhistas e para este ano a expectativa é que o número cresça, havendo mais e mais pessoas a participarem nos eventos que se vão realizar entre abril e setembro.

    Para o Diretor do Instituto de Socorros a Náufragos, Capitão-de- mar-e- guerra Paulo Tomás de Sousa Costa, “O ‘Surf Salva‘ já faz parte da agenda da época balnear. A união de nadadores-salvadores com surfistas, e também banhistas, pode efetivamente ajudar a salvar vidas e é isso mesmo que pretendemos fomentar com este projeto, em prol de praias mais seguras”.

    Segundo Vanessa Romeu, diretora de comunicação e responsabilidade social do Lidl Portugal, “O ‘Surf Salva’ enquadra-se na perfeição na nossa estratégia de responsabilidade social. Tem um espirito muito positivo, inovador e promove a eficiência, que é algo que está no ADN da nossa marca. É com entusiasmo que assistimos ao interesse, cada vez maior dos surfistas ou banhistas, por este projeto.

    Para o Lidl Portugal, é recompensador contribuir para salvar vidas, através da dinamização deste projeto “.

    Rita Teles Branco, da LPCC, sublinha que “É uma oportunidade excecional podermos promover neste contexto, na praia, uma atitude responsável nos momentos de maior exposição aos raios solares. O ‘Surf Salva’ é uma iniciativa que vai totalmente ao encontro da nossa missão”.

    Para acompanhar e confirmar live, os dados sobre o estado do mar, pode usufruir da nossa rede de livecams e reports preparada para essa finalidade.

    Segue o Beachcam.pt no Instagram

Tags
  • ISN
  • lidl
  • surf salva
  • Surf
  • Salvamento
  • nadador salvador
  • Busca e salvamento
  • Praias
similar News
similar
junho 29
Título nacional vai ser discutido por 12 surfistas!
junho 29
Garrett McNamara: 'Devo ao oceano tudo aquilo que alcancei na vida'
junho 29
O surf e a responsabilidade de ajudar a proteger os oceanos
junho 28
Surfrider Foundation Europe promove limpeza da foz do rio Trancão na quinta-feira
junho 29
Torneira gigante que despeja plásticos dá nas vistas no Parque das Nações
junho 28
Campeões do III São Vicente SUP Challenge coroados em Ponta Delgada
junho 28
Teresa Bonvalot fez o pleno de conquistas nos Açores