Homepage

  • Em 20 minutos passou de um rego a um rápido com uma onda estática de 1,5 metros
  • Aconteceu pelas 10h00 de segunda feira 12 Fevereiro. A lagoa junto à Praia do Martinhal rompeu a margem sul e desaguou na praia com violência. A descarga súbita formou uma onda estática, que embora com bom aspecto, ninguém se atreveu a surfar, tal era a força com que a água correu para o mar.

    Consulta aqui a previsão de ondas e surf para esta semana!

    “É um fenômeno frequente quando a lagoa enche” comentou o Presidente da Junta de Freguesia de Sagres Luís Paixão.

    A combinação das fortes chuvadas do fim de semana com marés vivas e de grande amplitude provocou o fenômeno. Não foi necessária intervenção humana, para defender a estrada que passa junto à margem interior da lagoa. A força da água compactada na lagoa encarregou-se de romper a margem do lado da praia, sem provocar danos materiais ou humanos. “A natureza fez o trabalho todo”, disse Luís Paixão.

    “Em 20 minutos passou de um rego a um rápido com uma onda estática de 1,5 metros. E a água do mar passou de verde a castanho escuro” relata Nelson Louzeiro autor do vídeo.

    Não deixa de ser um espetáculo impressionante, proporcionado pela mãe natureza.

    Fonte - Swell Algarve

    Vídeo - Nelson Louzeiro

    Para acompanhar e confirmar live, os dados sobre o estado do mar, pode usufruir da nossa rede de livecams e reports preparada para essa finalidade.

    Segue o Beachcam.pt no Instagram

Tags
  • praia do martinhal
  • martinhal
  • sagres
  • Onda estática
  • surf
  • Portugal
  • turismo de portugal
similar News
similar
fevereiro 27
Final 100 por cento portuguesa no E-Pro Europe!!!
fevereiro 27
Treinadores de surf portugueses têm nova representação
fevereiro 26
National Geographic publica artigo sobre localismo violento em Lunada Bay
fevereiro 26
Marinheiro sobrevive 14 horas no mar agarrado a … lixo marinho
fevereiro 26
Frederico Morais em destaque no canal olímpico
fevereiro 26
Praticante de caiaque resgatado pela polícia marítima em Cascais
fevereiro 26
Fim de semana pode trazer trovoada e “chuva de lama”