Homepage

  • O Rio Sado precisa da vossa ajuda
    14 fevereiro 2017
    arrow
    arrow
  • A primeira grande ação de impacto nesta comunidade, será a limpeza do porto palafítico da Carrasqueira...
  • No dia 19 de fevereiro está prevista decorrer uma Ação de Sensibilização e Limpeza do Porto Palafítico da Carrasqueira. Esta ação organizada pela Ocean Alive e pela Associação de Pescadores da Carrasqueira tem em vista a participação de cerca de 60 a 100 voluntários, incluindo a comunidade piscatória local, alvo principal da componente de sensibilização. A ação de limpeza incidirá nas margens adjacentes ao porto. A recolha de lixo será seletiva permitindo a reciclagem de plásticos e vidros que de outra forma iriam continuar a contaminar o estuário do Sado.

    A ação prevista faz parte da Campanha de Sensibilização e Limpeza de Praia no estuário do Sado, “Mariscar SEM Lixo” da cooperativa de educação marinha Ocean Alive. A campanha tem como objetivo eliminar o mau hábito dos mariscadores em deixar as embalagem de plástico de sal vazias na maré (que utilizam para capturar o lingueirão e o casulo) e de promover a visão de um estuário do Sado limpo e mantido por todos. Desde o seu início, em Março de 2016, a Ocean Alive organiza todos os meses, ações desta campanha que são realizadas por voluntários. Já participaram 645 voluntários que recolheram 13,5 toneladas de lixo das margens do estuário do Sado e 20425 embalagem de sal vazias, resultantes de décadas da atividade da mariscagem.

    Em 2017, a campanha “Mariscar SEM Lixo” ganha escala.

    Através do patrocínio do Oceanário de Lisboa e da Fundação Oceano Azul, a campanha “Mariscar SEM Lixo” da Ocean Alive tem agora capacidade para reforçar a sua componente de sensibilização e promoção da alteração de comportamentos junto da comunidade piscatória do estuário do Sado. Até aqui, a sensibilização aos mariscadores era feita pelos voluntários da campanha. Em 2016 foram sensibilizados 438 mariscadores. Com este novo apoio a Ocean Alive irá criar uma rede de boas práticas na comunidade piscatória do Sado, através de mulheres pescadoras “Guardiãs do Mar” (http://www.ocean-alive.org/guardias-do-mar) e criar uma rede de stakeholders (como os compradores do lingueirão, os restaurantes, os supermercados que vendem o sal), com vista a implementar soluções e uma consciência comum para o problema do plástico no Oceano, para o qual este mau hábito local contribui.

    A primeira grande ação de impacto nesta comunidade será a limpeza do porto palafítico da Carrasqueira. Numa primeira fase, prevista para o dia 19 de Fevereiro, serão limpas as margens adjacentes ao longo de cerca de 1km. Uma segunda fase será dedicada ao fundo do porto.

    Do que estás à espera? Vem ajudar!

    www.ocean-alive.org | info@ocean-alive.org

    Para alem da co-organização da Associação de Pescadores da Carrasqueira, são parceiros desta ação a CM de Alcácer, a Junta de Freguesia da Comporta e a empresa Ambilital que colocou na semana passada um ecoponto amarelo junto do porto, promovendo a alteração de hábitos. Durante a semana que vem a Ocean Alive irá realizar ações de sensibilização dirigidas á comunidade piscatória e escolar.

    As inscrições fecham até dia 17 de fevereiro e são feitas a partir deste link: https://goo.gl/forms/uZr1ZVVxFcdaIJoO2 , onde também consta o programa.

    Contacto Ocean Alive:

    • oceanalive.info@gmail.com • 917915595 (Raquel Gaspar)

Tags
  • mariscar sem lixo
  • recolha lixo
  • Lixo Marinho
  • Rio Sado
  • Setúbal
  • Ocean Alive
  • ambiente
  • fevereiro
  • Porto Palafítico da Carrasqueira
pub
similar News
similar
outubro 19
Liga MEO Surf entrega prémios nos Portugal Surf Awards 2020
outubro 19
Japão abre novamente a porta ao despejo de água radioativa no Pacífico
outubro 19
IPMA eleva aviso: Lisboa e mais 4 distritos sob aviso vermelho na terça-feira devido à chuva forte
outubro 19
Chuva e vento forte vão deixar todo o continente sob aviso laranja
outubro 19
Pelo menos 19 baleias-piloto perderam a vida encalhadas na Nova Zelândia
outubro 19
Bernardo Jerónimo, o único português a competir no Frontón King, já está na 3ª ronda
outubro 19
Vasco Ribeiro: 'Este foi o ano em que provavelmente apresentei o meu melhor nível de surf'
pub