Homepage

  • Pedro Henrique já está nas Meias em Israel
    23 janeiro 2017
    arrow
    arrow
  • O surfista português já se encontra nas meias finais do SEAT Pro Netanya 2017
  • O português Pedro Henrique já se encontra nas semifinais do QS1500 em Kontiki Beach, Israel.

    Pedrinho, um brasileiro que se naturalizou português, vai enfrentar Jorgann Couzinet, da Ilha Reunião, enquanto Peterson Crisanto defronta Jonathan Gonzalez, das Ilhas Canárias.

    No round 3, o nosso surfista Pedro Henrique, que defende o título de campeão Europeu e da etapa, ultrapassou a marca obtida pelo brasileiro, somando 8.00 e 8.83, um total de 16.83 pontos.

    Pedro e Peterson deixaram em segundo lugar os seus próximos adversários na prova - Jorgann Couzinet e Jonathan Gonzalez.

    A dupla ainda disputou os quartos de final neste domingo, em Kontiki. No segundo confronto, Pedrinho passou pelo espanhol residente em Portugal, Gony Zubizarreta, por 14.30 a 10.70.

    No último duelo do dia, Peterson não deu margem alguma ao português Francisco Carrasco, derrotado por 16.73 a 7.50.

    A prova deverá retomar início amanhã e pode ser acompanhada aqui.

    Para acompanhar e confirmar live, os dados sobre o estado do mar, pode usufruir da nossa rede de livecams e reports preparada para essa finalidade.

    Segue o Beachcam.pt no Instagram

Tags
  • Surf
  • World Surf League
  • SEAT Pro Netanya
  • Israel
  • Pedro Henrique
  • Qualifying Series
similar News
similar
julho 23
Quatros surfistas foram porta-estandarte na Cerimónia de Abertura dos Jogos Olímpicos de Tóquio'2020
julho 26
Como podemos ver o dia das finais olímpicas do surf em Tóquio'2020?
julho 24
Seis seleções nacionais vão a jogo em Tóquio'2020 com o máximo de surfistas possíveis
julho 26
Já diplomada, Yolanda Hopkins quer mais de Tóquio'2020: 'Aqui não há limites, não é?'
julho 26
Arrancou o dia decisivo da prova olímpica de surf!
julho 26
A inacreditável montanha-russa de emoções da Costa Rica na prova olímpica de surf
julho 26
Projeto 'Surf & Rescue' visitou pela primeira vez a Madeira