Homepage

  • Gabriel Medina pede #jogolimpo
    18 janeiro 2017
    arrow
    arrow
  • O primeiro brasileiro campeão mundial de surf é um dos protagonistas da ação antidoping...
  • A estrutura do Instituto Gabriel Medina, em Maresias, serviu de cenário para o próprio Gabriel Medina participar das gravações da campanha #JOGOLIMPO, da Autoridade Brasileira de Controle de Dopagem (ABCD), do Ministério do Desporto. O primeiro brasileiro campeão mundial de surf é um dos protagonistas da ação antidoping, ao lado da judoca Rafaela Silva, do nadador paralímpico, Daniel Dias, e do técnico de vólei, José Roberto Guimarães.

    Depois do trabalho, Gabriel aproveitou para falar da satisfação em ver o Instituto praticamente pronto. A inauguração está marcada para o dia 31 de janeiro.

    De frente para o mar, a instituição está instalada na Praia de Maresias, em São Sebastião. Foi construída com recursos próprios do surfista e conta com toda a estrutura de treinos que o atleta utiliza. Os atletas atendidos terão à disposição academia, piscina, cama elástica (para treinos dos aéreos) e até um palanque, para simulações de disputas. Há ainda uma área médica, sala de informática e auditório para palestras e aulas de idiomas.

    Para acompanhar e confirmar live, os dados sobre o estado do mar, pode usufruir da nossa rede de livecams e reports preparada para essa finalidade.

    Segue o Beachcam.pt no Instagram

Tags
  • Surf
  • Gabriel Medina
  • JogoLimpo
  • Brasil
  • Desporto
  • Fair play
  • Instituto Gabriel Medina
similar News
similar
fevereiro 02
Tempo frio ainda deixa três distritos sob aviso amarelo
fevereiro 02
Praia da Empa coroou vencedores do Science Ericeira 2022
fevereiro 01
FUEL TV assegura transmissão do Winter Dew Tour 2023 à escala global
fevereiro 01
Campeonato Nacional de Surf da Ucrânia vai ser realizado em Portugal
fevereiro 01
Surf nacional lamenta perda de Pedro Lacerda
janeiro 31
Surf adaptado mantém bem vivo sonho da inclusão nos Jogos Paralímpicos de Los Angeles'2028
fevereiro 01
Índia vai estrear-se no Mundial ISA e já sonha com Paris’2024