Homepage

  • Matt Wilkinson novamente triunfante na Austrália
    19 maio 2016
    arrow
    arrow
  • Novamente a apresentar-se com um surfe muito sólido, o australiano Matt Wilkinson disparou na liderança do ranking mundial...
  • Novamente a apresentar-se com um backside muito afiado, o australiano Matt Wilkinson disparou na liderança do ranking mundial depois de vencer pela segunda vez consecutiva na sua carreira e na presente temporada.

    No domingo, com ondas até 2,5 metros e com formação irregular, Wilko conquistou o título do Rip Curl Pro Bells Beach, vencendo na final o sul-africano Jordy Smith.

    "Sempre tentei ganhar em todos os lugares, mas nunca aconteceu", disse Matt Wilkinson, que é um dos atletas patrocinados pela Rip Curl, como os campeões mundiais Mick Fanning e Gabriel Medina. "Este ano parece que estou a conseguir levar os troféus que sempre quis, estou muito feliz por ter vencido aqui em Bells. Eu venho a este evento há muito tempo, sempre quis ganhar e finalmente tive a minha chance".

    Além de escrever o nome no cobiçado troféu do Rip Curl Pro, como campeão da 56ª edição do campeonato mais antigo do tour, Wilkinson igualou um feito que não acontecia há 17 anos, ser o primeiro goofy-footer a vencer depois de Mark Occhilupo em 1998. E a última vez que alguém começou o ano a ganhar nas duas primeiras etapas tinha sido à sete anos atrás, o também australiano Joel Parkinson, mas em 2009.

    "Eu tenho trabalhado bastante e se melhorarmos nem que seja 10% em dez áreas diferentes do nosso surf, vamos estar 100% melhor", disse Matt Wilkinson, sobre o seu início de ano fulminante, pois também venceu a única etapa do QS que disputou esse ano em Newcastle. "Estou com boas pranchas, sinto-me em forma, o meu surf está muito bom e estou a competir cada vez melhor, a tomar decisões mais inteligentes, como manter a calma em momentos complicados. Eu só quero continuar a fazer aquilo que tenho vindo feito até aqui, tentar não cometer erros e jogar tudo em cada onda que eu apanhar".


    Resultado do Rip Curl Pro Bells Beach 2016

    1 Matt Wilkinson (AUS)
    2 Jordy Smith (AFR)
    3 Italo Ferreira (BRA)
    3 Mick Fanning (AUS)
    5 Wiggolly Dantas (BRA)
    5 Nat Young (EUA)
    5 Conner Coffin (EUA)
    5 Michel Bourez (PLF)
    9 Caio Ibelli (BRA)
    9 Mason Ho (HAW)
    9 Davey Cathels (AUS)
    9 Julian Wilson (AUS)

     

Tags
  • Matt Wilkinson
  • Surf
  • Mick Fanning
  • jordy smith
  • Rip Curl Pro Bells Beach
  • Bells Beach
  • Victoria
  • australia
  • World Surf League
similar News
similar
julho 28
Seleção Nacional de Surf regressa a casa esta quinta-feira
julho 28
Em Tóquio'2020, regressou o bom e velho Owen Wright: 'Muitos pensavam que não ia chegar às medalhas'
julho 28
Amuro Tsuzuki, um nome destinado a fazer historia pelo Japão
julho 28
Japão foi o país mais medalhado na prova olímpica de surf
julho 27
Que orgulho Yolanda, Teresa e David!
julho 28
Sete pormenores do surf olímpico que não se veem nas provas normais
julho 28
Blanco e Pyrrait em destaque na finalíssima das Surf Web Series