Homepage

  • Lay Day em Margaret River com novo swell à vista
    19 maio 2016
    arrow
    arrow
  • Com a ronda 4 masculina e os quartos de final femininos por realizar., a próxima chamada para avaliação das condições do mar acontece...
  • O Drug Aware Margaret River Pro permanece paralisado e em espera, devido às condições inconsistentes das ondas em Margaret River, na Austrália.

    A World Surf League segue assim em espera de novas ondulações a caminho da costa australiana.

    Vídeo - "Por dentro do sucesso de Matt Wilkinson"

    “Estamos a acompanhar o novo swell que, supostamente, deve dar sinal entre amanhã, sexta-feira e sábado. Voltaremos a avaliar as condições amanhã”, comentou o comissário da WSL, Kieren Perrow. 

    Com a ronda 4 masculina e os quartos de final femininos por realizar., a próxima chamada para avaliação das condições do mar acontece nesta quarta-feira, às 00 horas (horário de Portugal continental) e pode ser acompanhada através do streaming oficial aqui.

    Quarta ronda masculina:

    1 Matt Wilkinson (AUS), Joel Parkinson (AUS), Julian Wilson (AUS)
    2 Nat Young (EUA), Adrian Buchan (AUS), Leonardo Fioravanti (ITA)
    3 Gabriel Medina (BRA), Kolohe Andino (EUA), Jordy Smith (AFR)
    4 Italo Ferreira (BRA), Sebastian Zietz (HAV), Caio Ibelli (BRA)

    Quartos-de-final femininos: 

    1 Sally Fitzgibbons (AUS) x Tatiana Weston-Webb (HAV)
    2 Courtney Conlogue (EUA) x Laura Enever (AUS)
    3 Carissa Moore (HAV) x Bianca Buitendag (AFR)
    4 Tyler Wright (AUS) x Stephanie Gilmore (AUS).
     

     

Tags
  • Lay day
  • Margaret River
  • Drug Aware Margaret River Pro
  • swell
  • Kieren Perrow
  • surf
  • World Surf League
  • australia
similar News
similar
janeiro 18
O sol está de partida, chuva e vento no horizonte
janeiro 17
Interdito o acesso ao paredão de Cascais
janeiro 18
Governo japonês continua a garantir realização de Tóquio'2020, apesar do crescimento da pandemia
janeiro 17
Faleceu o lendário shaper havaiano Ben Aipa
janeiro 17
Massive Saturday! Jaws recebeu sessão do ano (e talvez da história!)
janeiro 15
Confinamento: AESDP esclarece posição tomada sobre atividade das escolas de surf
janeiro 15
Jaws prepara-se para receber maior ondulação dos últimos anos