Homepage

  • Comité Olímpico distingue Teresa Bonvalot
    14 dezembro 2016
    arrow
    arrow
  • O Comité Olímpico de Portugal distinguiu esta terça-feira os melhores do desporto em 2016...
  • O Comité Olímpico de Portugal distinguiu esta terça-feira os melhores do desporto em 2016 na cerimónia “Celebração Olímpica” que teve lugar no Centro de Congressos de Lisboa. Telma Monteiro, Fernando Pimenta, Teresa Bonvalot, João Brenha, Miguel Maia e Sérgio Maciel foram alguns dos premiados da noite.

    Terersa Bonvalot com as Billabong Girls pelo Havai

    Numa sala repleta de convidados, marcada por muitos momentos de entretenimento, um dos pontos altos da noite foi a atribuição das Medalhas de Excelência Desportiva, galardão que premeia os melhores atletas do ano. Telma Monteiro foi a atleta feminina do ano, enquanto Fernando Pimenta foi o atleta masculino de 2016.

    No ano de 2016, Telma Monteiro alcançou a medalha de bronze nos Jogos Olímpicos do Rio de Janeiro na modalidade de judo na categoria de -57kg, feito que justifica plenamente a atribuição deste galardão. Já Fernando Pimenta, além de 5º classificado em K1 1000m e 6º em K4 1000m nos Jogos Olímpicos do Rio Janeiro, foi Campeão da Europa em Moscovo em K1 1000m e K1 5000m.

    Já o Prémio Juventude, que se destina a premiar o atleta nacional, de escalões jovens, que mais se tenha distinguido no ano anterior pela obtenção de resultados de excelência em competições internacionais ao mais alto nível desportivo, com um percurso escolar de mérito, foi atribuído à jovem surfista de Cascais, Teresa Bonvalot, que se fez representar pelo seu pai dado não poder estar presente.

    Em 2016, Teresa Bonvalot sagrou-se campeã da Europa de Surf em juniores. A surfista portuguesa de 17 anos assegurou o título no Pena Txuri Pro, Espanha alcançando um triunfo inédito no setor feminino, apenas igualado no masculino por dois atletas desta modalidade olímpica que debutará nos Jogos Olímpicos de Tóquio.

    Houve ainda lugar à atribuição do Prémio Ética Desportiva que premeia ações relevantes em prol dos princípios e valores da ética no desporto, suscetíveis de constituir exemplos virtuosos e pedagógicos.

    O atleta Sérgio Maciel, da Darque Kayak Clube que se sagrou campeão da Europa de maratona em C1 Júnior em 2016, durante o Campeonato do Mundo da presente época, teve uma conduta de elevado fair-play quando o seu colega de equipa nacional Marco Apura, que seguia na sua frente na reta final da prova se enganou na meta. Sérgio Maciel, que seguia em segundo lugar, reduziu a sua marcha, chegando mesmo a parar para que Marco Apura pudesse voltar a recuperar e cortar a meta no primeiro lugar, sagrando-se Campeão do Mundo em C1 Júnior. Sérgio Maciel ficou com o segundo lugar no pódio.

    Tiago Brandão Rodrigues, Ministro da Educação, reafirmou o compromisso de trabalhar de forma próxima com o COP para ajudar a melhorar o Programa de Preparação Olímpica tendo em vista os Jogos Olímpicos Tóquio 2020.

    Para acompanhar e confirmar live, os dados sobre o estado do mar, pode usufruir da nossa rede de livecams e reports preparada para essa finalidade.

    Segue o Beachcam.pt no Instagram

Tags
  • Teresa Bonlavot
  • Comité Olímpico Nacional
  • Surf
  • Prémio
  • Fernando Pimenta
pub
similar News
similar
fevereiro 27
Degelo do Ártico pode estar a afetar correntes marítimas
fevereiro 27
Mar profundo dos Açores ameaçado pelas alterações climáticas
fevereiro 27
Coronavirus coloca estreia olímpica do surf em risco
fevereiro 27
Medina viaja para Marrocos acompanhado de surfista português
fevereiro 26
Foi-se o sol! Chuva chega no sábado e promete ficar
fevereiro 26
Baleia de seis metros removida de praia de Viana do Castelo
fevereiro 26
Sardenha vai cobrar entradas em praia invadida por turistas