Homepage

  • Piscina de ondas do Texas abre esta semana
    06 outubro 2016
    arrow
    arrow
  • Fotografia
    Nland Surf Park
  • Fonte
    Redação
powered by
  • Meo
  • Mercedes
  • Buondi
Segue-nos nas redes
  • Facebook
  • Twitter
  • Instagram
  • A Nland Surf Park possui três tipos de ondas: para surfistas experientes, intermédios e iniciantes, cada uma com as suas características.
  • É já amanhã, sexta-feira, que abre ao público a primeira piscina de ondas dos Estados Unidos. A Nland Surf Park fica situada em Austin, no Texas e será o segundo parque a comercializar a tecnologia Wavegarden, depois da já famosa Surf Snowdonia, no País de Gales.

    Esta será uma bela oportunidade para todos os surfistas norte-americanos que moram mais no interior poderem desfrutar de ondas durante todo o ano. A  Nland Surf Park possui três tipos de ondas: para surfistas experientes, intermédios e iniciantes, cada uma com as suas características.

    Depois de vencida a batalha judicial, uma vez que os tribunais locais invocaram leis relacionadas com a saúde e segurança, o parque vai finalmente abrir portas. Para além da piscina de ondas, há ainda uma surf shop onde os visitantes poderão adquirir material técnico.

     

    Make Waves from NLand Surf Park on Vimeo.

    Para acompanhar e confirmar live, os dados sobre o estado do mar, pode usufruir da nossa rede de livecams e reports preparada para essa finalidade.

    Segue o Beachcam.pt no Instagram

Tags
  • Wavegarden
  • Texas
  • Fotografia
    Nland Surf Park
  • Fonte
    Redação
similar News
similar
julho 07
Baía dos Juncos acolhe arranque do Regional de Surf Open madeirense
julho 07
Três anos depois, o Internacional de Skimboard está de volta a Santa Cruz
julho 07
Portugal revela convocados para o Eurosurf Júnior
julho 06
Crianças do pré-escolar limparam praia em Caminha
julho 06
Calor chega a Portugal: 17 distritos sob aviso amarelo a partir desta quinta-feira
julho 06
Carro cai de falésia na Praia da Bafureira
julho 06
Governo garante que não vai faltar água para consumo humano nos próximos dois anos