Homepage

  • Keanu Asing conquista o Quiksilver Pro France
    12 outubro 2016
    arrow
    arrow
  • Fotografia
    WSL
  • Fonte
    Redação
powered by
  • Meo
  • Mercedes
  • Buondi
Segue-nos nas redes
  • Facebook
  • Twitter
  • Instagram
  • Carissa Moore acabou por ser a vencedora da prova feminina, o que corresponde a um dia em grande para os havaianos em França.
  • Contra todas as expectativas o havaiano Keanu Asing conquistou o Quiksilver Pro France, a nona e antepenúltima etapa do World Tour 2016, que se disputou até esta quarta-feira em Hossegor, no sudoeste francês.

    Num dia final em que contava com a presença do líder mundial John John Florence e do número 2 mundial Gabriel Medina nas meias-finais, e com todos a perspetivarem uma grande batalha entre os dois, Asing acabou por vencer ambos rumo à primeira vitória da carreira.

    À chegada a França, Keanu Asing era somente o 33.º colocado do ranking e estava praticamente condenado nas contas da requalificação. Com este triunfo dá um enorme pulo e entra no top 22, mas, mesmo assim, ainda não está a salvo. Algo que demonstra bem como este triunfo aconteceu contra todas as probabilidades.

    Primeiro Asing, de 23 anos, começou por bater o amigo e compatriota John John Florence, num heat bastante disputado, que foi decidido por uma diferença de 0,87 pontos. Estava aberto o caminho para Medina recuperar terreno na luta pelo título e o brasileiro agradeceu, batendo Kolohe Andino na segunda meia-final.

    Gabriel Medina parecia estar imparável, após mais uma grande prestação no beach break francês, e, muito provavelmente, o favoritismo para a final estava todo do seu lado. Contudo, Medina poderá ter acusado a pressão e teve um início de heat atípico, vendo o rival distanciar-se na disputa.

    Na parte final, o brasileiro ainda respondeu, mas Keanu Asing estava confiante e com um surf power e assertivo continuava a fazer diferença. Até que nos últimos minutos, o campeão mundial de 2014 fez uma interferência e deitou tudo a perder. Asing podia assim fazer a festa. Uma festa que poucos ousariam prever…

    Em relação à luta pelo título, Medina conseguiu ainda recuperar 1.500 pontos para John John, estando agora a 2.700 da liderança – poderia estar apenas a 700 em caso de vitória em França. A rivalidade entre o havaiano e o brasileiro vem assim no auge para a etapa portuguesa do World Tour, que arranca já na próxima terça-feira, prevendo-se um duelo explosivo entre ambos pelo título mundial de 2016.

    Em relação à prova feminina, e já depois da celebração do título mundial de Tyler Wright, o triunfo acabaria por pertencer a Carissa Moore. A campeã mundial do ano passado aplicou uma combinação à nova campeã, que se apresentou um pouco desorientada na final, fruto da emoção dos festejos. Foi o primeiro triunfo de Moore esta temporada e a passagem de testemunho para a australiana.

     

    Para acompanhar e confirmar live, os dados sobre o estado do mar, pode usufruir da nossa rede de livecams e reports preparada para essa finalidade.

    Segue o Beachcam.pt no Instagram

Tags
  • Keanu Asing
  • World Tour
  • Quiksilver Pro France
  • Fotografia
    WSL
  • Fonte
    Redação
pub
similar News
similar
setembro 29
Presença de Alex Botelho marcou segunda ação da iniciativa 'Surf & Rescue'
setembro 29
MEO Portugal Cup of Surfing está ON em Ribeira d’Ilhas
setembro 28
MEO Portugal Cup of Surfing junta o surf e a sustentabilidade
setembro 25
Projeto 'The Unwanted Shapes' vai estar presente no MEO Portugal Cup of Surfing
setembro 28
Nuno Vitorino vai competir no nacional britânico de surf adaptado
setembro 28
Kikas: “Felizmente, em Portugal as previsões do mar não são descuradas”  
setembro 28
Italo tem “boas memórias” de Ribeira, mas preferia competir em Supertubos
pub