Homepage

  • Candidatos cumprem arranque do Huawei Cascais Pro
    06 outubro 2016
    arrow
    arrow
  • Fotografia
    Pedro Mestre | Liga Moche
  • Fonte
    Comunicado de Imprensa
powered by
  • Meo
  • Mercedes
  • Buondi
Segue-nos nas redes
  • Facebook
  • Twitter
  • Instagram
  • Marlon Lipke, que tal como Pedro e José também está na luta pelo título nacional, foi o autor do melhor total do dia, 16.75 pontos.
  • Já começou a corrida ao título nacional da Liga MOCHE 2016! O Huawei Cascais Pro, quinta e última etapa da Liga, foi hoje para a água na Praia do Guincho, em Cascais, para a primeira ronda da categoria masculina. 

    Em ondas com cerca de um metro, os top seeds, surfistas nos principais lugares do ranking, foram quem dominou este primeiro dia fazendo as melhores ondas e totais. Sem surpresas, a corrida ao título nacional masculino segue para amanhã, sexta-feira.

    Pedro Henrique, líder do ranking e principal candidato ao título deste ano, venceu com categoria a sua bateria, fazendo um total de 14.60 pontos, deixando Elohe Alvarez em 2º lugar e Tiago Santos na terceira posição.

    Já José Ferreira, logo a seguir, fez o segundo melhor total do dia, 16.05, e a melhor onda deste primeiro dia de competição, 9.25. O surfista do Guincho deixou Guilherme Ribeiro ficou em 2º lugar e Pedro Barros em 3º.

    Marlon Lipke, que tal como Pedro e José também está na luta pelo título nacional, foi o autor do melhor total do dia, 16.75 pontos, ficando Henrique Pyrrait em 2º lugar e Gonçalo Vieira na 3ª posição.

    Na última bateria do dia, Filipe Jervis, surfista que também tem hipóteses de chegar ao troféu máximo do surf nacional, ganhou a sua bateria contra Tomás Ribeiro, 2º, e Diogo Mendes, 3º.

    Destaque ainda para Guilherme Fonseca, Gony Zubizarreta, João Guedes e Eduardo Fernandes. Todo estes surfistas venceram as suas baterias e mostraram bom surf.

    Mas a competição não foi tudo neste primeiro dia de Huawei Cascais Pro. O dia terminou em beleza com uma aula de surf apoiada pelo MOCHE que deu a dez crianças da Fundação A.J.U. - Jerónimo Usera a hipótese de experimentar esta modalidade pela primeira vez, lado a lado com alguns dos melhores surfistas nacionais.

    A chamada para amanhã, Sábado, dia 7 de Outubro, está marcada para as 7:30, sendo esperado tanto o retomar da competição masculina como o iniciar da categoria feminina.

    Para além da decisão dos títulos nacionais, o Huawei Cascais Pro terá ainda em disputa o Ramirez Junior Award (nesta prova entregue ao melhor surfista sub-16) e a Renault Expression Session, ambos atribuindo 2.500€ anuais. A premiação global da Liga Moche 2016 será superior a 80.000€ anuais.
     
    Todas as etapas da Liga MOCHE têm transmissão em direto com toda a qualidade da fibra MEO via liga.moche.pt, app mobile Surf MOCHE e MEO Kanal 202020, juntando-se ainda os programas de antevisão e resumo na RTP1 e Bola TV.

    A Liga MOCHE e o Huawei Cascais Pro são uma organização da Associação Nacional de Surfistas e da Fire!, com o patrocínio do MOCHE, Huawei, Allianz Seguros, Renault, Ramirez, Red Bull, o apoio local da Câmara Municipal de Cascais, os parceiros oficiais RTP1, Cidade FM e GO-S.TV e os media partners Diário de Notícias, A Bola, Beachcam, SURFPortugal, ONFIRE, Surftotal, e o apoio técnico da Federação Portuguesa de Surf e do Clube Recreativo e Cultural Quinta dos Lombos.

     

     

    Para acompanhar e confirmar live, os dados sobre o estado do mar, pode usufruir da nossa rede de livecams e reports preparada para essa finalidade.

    Segue o Beachcam.pt no Instagram

Tags
  • liga moche 2016
  • Huawei Cascais Pro
  • Fotografia
    Pedro Mestre | Liga Moche
  • Fonte
    Comunicado de Imprensa
similar News
similar
julho 29
Frederico Morais já regressou aos treinos no mar
julho 29
A Cinderela que quebrou os estigmas do surf (e do desporto) nacional!
julho 29
Teresa Bonvalot: 'Estar nos Jogos Olímpicos não está ao alcance de qualquer atleta'
julho 28
Seleção Nacional de Surf regressa a casa esta quinta-feira
julho 28
Em Tóquio'2020, regressou o bom e velho Owen Wright: 'Muitos pensavam que não ia chegar às medalhas'
julho 28
Amuro Tsuzuki, um nome destinado a fazer historia pelo Japão
julho 27
Italo e Carissa conquistam ouro olímpico; Yolanda no 5.º posto