Homepage

  • Prancha de Garrett McNamara já está no Surfer Wall
    26 setembro 2016
    arrow
    arrow
  • Fotografia
    Divulgação
  • Fonte
    Comunicado de Imprensa
powered by
  • Meo
  • Mercedes
  • Buondi
Segue-nos nas redes
  • Facebook
  • Twitter
  • Instagram
  • Para além de Scooby, Steudtner e Garrett outros surfistas já ofereceram pranchas que utilizaram nas ondas da Nazaré, e que serão ali instaladas nos próximos tempos.
  • A prancha Mercedes-Benz de Garrett McNamara já está em exposição na “Surfer Wall” do Forte de São Miguel do Arcanjo. A prancha é uma de apenas 10 concebidas pela Mercedes-Benz em colaboração com Garrett McNamara especificamente para as ondas da Nazaré. É única tal como o canhão da Nazaré.

    O detentor do lendário recorde mundial pela maior onda alguma vez surfada (novembro de 2011, Praia do Norte) entregou, na sexta-feira, a sua prancha ao espaço destinado à exposição de todas as que forem oferecidas por surfistas que se aventuram nas ondas das praias do concelho.

    “É uma honra estar aqui representado. A Nazaré é a minha segunda casa. Estou disponível para o que a Nazaré precisar de mim. Amo a Nazaré e Portugal, e admiro as pessoas”, declarou Garrett.

    Para o Presidente do Conselho de Gerência da Nazaré Qualifica, e Presidente da Câmara Municipal, Walter Chicharro, que manifestou a sua “enorme alegria pela exposição de uma das pranchas usadas por Garrett McNamara no nosso mar”, é “com grande satisfação que apresentamos, neste mural, uma das pranchas usadas pelo detentor do recorde mundial, Garrett McNamara, atleta que deu o seu contributo para a promoção mundial do potencial das ondas da Nazaré”.

    A Surfer Wall é um projeto da Câmara Municipal, criado em resposta a uma oferta do brasileiro Pedro Scooby, que quis deixar a sua marca no edifício emblemático da Praia do Norte.

    A sala pretende demonstrar o respeito e reconhecimento da terra pelos surfistas que competem, treinam ou utilizam a Praia do Norte como lugar de superação, e divulgam suas potencialidades pelo mundo, junto de mais atletas.

    Para além de Scooby, Steudtner e Garrett outros surfistas já ofereceram pranchas que utilizaram nas ondas da Nazaré, e que serão ali instaladas nos próximos tempos.

    Garrett McNamara

    “Desde o momento que entrei neste edifício em 2010, soube que era mágico e especial, e que iria surfar aqui as maiores ondas do mundo. Aqui conheci alguns dos meus melhores amigos, que me ajudaram a conquistar o Guiness World Record. Todos os meus sonhos se tornaram realidade graças à Nazaré. Nunca é cedo ou tarde demais para encontrares a tua paixão e viveres os teus sonhos.”

    Nascido em Pittsfield, Massachusetts, Garrett McNamara detém o Recorde Mundial do Guiness para a maior onda alguma vez surfada com 78 pés (23, 78 metros) na Nazaré, Portugal que agora vê como a sua casa. Recentemente, foi o primeiro estrangeiro a receber a “Medalha Naval Vasco da Gama”, prestigiado galardão da Marinha Portuguesa.

    McNamara recebeu vários prémios e distinções XXL da WSL, incluindo “performance do ano” e “maior onda na remada”. Conquistou vários primeiros e segundos lugares em competições de ondas gigantes de elite, e tem sido presença regular no “Quicksilver Invitational in Memory of Eddie Aikau” (The Eddie), considerada uma das maiores honras no surf de ondas grandes.

    McNamara superou as adversidades e é um exemplo vivo de que tudo é possível, independentemente das circunstâncias.

     

    Para acompanhar e confirmar live, os dados sobre o estado do mar, pode usufruir da nossa rede de livecams e reports preparada para essa finalidade.

    Segue o Beachcam.pt no Instagram

Tags
  • nazaré
  • Garrett McNamara
  • Fotografia
    Divulgação
  • Fonte
    Comunicado de Imprensa
pub
similar News
similar
janeiro 23
Surf to Win apresenta equipa oficial para 2020
janeiro 24
Lewis Pugh é o primeiro humano a nadar sob camada de gelo na Antártida
janeiro 24
Gondomar retira das serras 3 toneladas de lixo por semana
janeiro 22
Tempestade Glória provoca ondulação inédita no Mediterrâneo
janeiro 23
Vem aí o Pacto Português para os Plásticos
janeiro 23
O ornitorrinco pode desaparecer devido à ocupação humana
janeiro 24
Austrália enfrenta praga de aranhas mortíferas