Homepage

  • Navratil volta ao ataque em Mostar
    27 setembro 2016
    arrow
    arrow
  • Fotografia
    Romina Amato | Red Bull Content Pool
  • Fonte
    Comunicado de Imprensa
powered by
  • Meo
  • Mercedes
  • Buondi
Segue-nos nas redes
  • Facebook
  • Twitter
  • Instagram
  • Com cerca de 20 metros de altura, foi necessário montar uma estrutura adicional na ponte para atingir os 27 metros regulamentares da competição masculina.
  • Depois de ter conseguido há duas semanas a primeira vitória da sua carreira, o checo Michal Navratil – conhecido como o “Super Homem” dos saltos para a água – voltou a surpreender no Red Bull Cliff Diving World Series. A sua vitória na velha ponte de Mostar, na Bósnia e Herzegóvina, relançou a luta pelos lugares cimeiros do campeonato.

    Em femininos foi a canadiana Lysanne Richard quem ditou a lei. A ação foi acompanhada por mais de 20 mil espectadores no local e em todo o mundo em direto na Red Bull TV. A sétima etapa do Red Bull Cliff Diving World Series viajou no último fim-de- semana (24 de setembro) até aos balcãs, regressando à velha ponte de Mostar – na Bósnia e Herzegóvina. Considerada uma das mais belas pontes do mundo e classificada como Património Mundial da Humanidade pela UNESCO, esta estrutura em pedra serviu de plataforma para os melhores saltadores do planeta manterem aqui viva uma tradição com vários séculos. O entusiasmo da população local ficou bem patente nos mais de 20 mil espectadores que acompanharam das margens do rio Neretva toda a ação.

    Com cerca de 20 metros de altura, foi necessário montar uma estrutura adicional na ponte para atingir os 27 metros regulamentares da competição masculina. Aos 31 anos, o checo Michal Navratil – um dos poucos atletas que se mantém presente no circuito mundial desde a sua criação em 2009, voltou a ser a figura da jornada – depois de ter vencido no País de Gales há cerca de duas semanas a primeira etapa da sua carreira.

    O desfecho final das várias rondas colocou-o de novo frente a frente com o britânico Gary Hunt – de longe o mais cotado atleta em prova; “Posso justificar esta vitória com o acumular de toda a minha experiência. Tudo aquilo por que passei até aqui, os saltos falhados, as más entradas da água, tudo ficou gravado na minha memória. Agora estou mais maduro e consciente daquilo que tenho de fazer na hora exata”. Além da prata de Gary Hunt, o pódio ficou completo com o norte-americano David Colturi, que se despediu aqui da temporada de 2016, já que em outubro próximo fará uma cirurgia ao ombro, ficando impedido de continuar.

    Do ponto de vista do título, Hunt continua firme na liderança, mas o mesmo já não se poderá dizer do seu mais direto perseguidor – o mexicano Jonathan Paredes – que está a um passo de ser ultrapassado por Navratil.
    Entre as senhoras, as “wildcards” continuam a surpreender pela positiva. A canadiana Lysanne Richard mereceu o reconhecimento do júri ao reunir cinco notas nove na última ronda da competição; “Acho que comecei com o pé direito esta etapa, mas depois do segundo salto fiquei um pouco desiludida com a minha prestação. Depois concentrei-me, esquecendo que podia vencer, e consegui recuperar. Não podia estar mais feliz por conseguir vencer mais uma etapa do circuito mundial”.

    Em relação às contas do título, a australiana Rhiannan Iffland – que desta vez foi terceira classificada – continua na liderança.

    A próxima etapa do Red Bull Cliff Diving World Series viaja dentro de cerca de duas semanas (16 de outubro) até ao Japão, naquela que será uma das estreias mais aguardadas de 2016.

    Todas as etapas do Red Bull Cliff Diving World Series são transmitidas em direto para todo o mundo na Red Bull TV em www.redbull.tv e em www.redbullcliffdiving.com, com acesso gratuito e permanente (todas as etapas - sistema VOD) através das mais diversas plataformas.

     

    Para acompanhar e confirmar live, os dados sobre o estado do mar, pode usufruir da nossa rede de livecams e reports preparada para essa finalidade.

    Segue o Beachcam.pt no Instagram

Tags
  • Mostar
  • Michal Navratil
  • Red Bull Cliff Diving
  • Fotografia
    Romina Amato | Red Bull Content Pool
  • Fonte
    Comunicado de Imprensa
pub
similar News
similar
outubro 23
A hora vai mudar: relógios atrasam 60 minutos na madrugada de domingo
outubro 25
Rodrigo Carrajola e Jaime Bonito renovam os títulos nacionais de bodysurf
outubro 24
Do susto ao título: Joana Schenker é heptacampeã nacional de bodyboard
outubro 21
Costa da Morte, na Galiza, quer ser Reserva Mundial de Surf
outubro 24
Guincho recebe etapa única do Nacional de Bodysurf
outubro 23
Fim de semana chega com sábado soalheiro e chuva no domingo
outubro 23
Três surfistas resgatados na Praia da Barra
pub