Homepage

  • Ambientalistas alegam incumprimentos na barragem do Tua
    23 setembro 2016
    arrow
    arrow
  • Fotografia
    LUSA
  • Fonte
    LUSA
powered by
  • Meo
  • Mercedes
  • Buondi
Segue-nos nas redes
  • Facebook
  • Twitter
  • Instagram
  • Os ambientalistas acusam a Comissão e Acompanhamento de “ser conivente com incumprimentos vários por parte da EDP”.
  • A Comissão de Acompanhamento da barragem do Tua já não conta com a presença dos grupos ambientalistas GEOTA - Grupo de Estudos de Ordenamento do Território e Ambiente – e Plataforma Salvar o Tua, uma vez que estes alegam incumprimentos das medidas de compensação e contrapartidas.

    Previsão de ondas para este fim de semana

    Foi na quinta-feira que as associações ambientalistas representadas na Comissão de Acompanhamento Ambiental (CAA) da barragem do Tua decidiram suspender a sua participação neste órgão, não marcando já presença esta sexta-feira na 16.ª reunião da CAA.

    Os ambientalistas acusam a Comissão e Acompanhamento de “ser conivente com incumprimentos vários por parte da EDP”, a concessionária da barragem que se encontra em fase de conclusão no rio Tua, em Trás-os-Montes.

    Aquela comissão, onde estão representadas várias instituições, acompanha o cumprimento das medidas de compensação e minimização a executar pela EDP como contrapartidas para a construção da barragem de Foz Tua. “O enchimento da albufeira da barragem do Tua de forma ilegal foi a gota de água que fez transbordar o copo dos ambientalistas”, alegam.

    Em comunicado, dirigido à Comissão de Coordenação e Desenvolvimento Regional do Norte, estrutura pública que preside à Comissão de Acompanhamento, justificam que “a Comissão e a sua coordenação não têm zelado pelo cumprimento da sua missão”.

    “O enchimento da albufeira antes de autorizado é o exemplo mais flagrante. Este acto, comprovadamente ilegal e não autorizado foi, surpreendentemente, apadrinhado pelas autoridades competentes, com destaque para a Agência Portuguesa do Ambiente”, apontam.

    No mesmo documento, as associações declaram que apenas voltarão à Comissão quando “a coordenação e as autoridades competentes obrigarem ao devido cumprimento das medidas de minimização e compensação”.

     

    Para acompanhar e confirmar live, os dados sobre o estado do mar, pode usufruir da nossa rede de livecams e reports preparada para essa finalidade.

    Segue o Beachcam.pt no Instagram

     

Tags
  • Barragem do Tua
  • Fotografia
    LUSA
  • Fonte
    LUSA
similar News
similar
setembro 28
Mercedes-Benz vai celebrar o Dia Mundial do Mar com a temática Nazaré
setembro 28
Teresa Bonvalot, 10 anos de sucesso garantido em Mundiais ISA
setembro 28
Guilherme Fonseca: “Têm sido anos de muito sacrifício” (ENTREVISTA)
setembro 28
Praia do Seixal consagrou vencedores da 4ª etapa do Regional de SUP Race da Madeira 2022
setembro 28
Praia de Matosinhos vai receber iniciativa 'Surf Adaptado'
setembro 28
Projeto TransforMAR recolheu 67 toneladas de plástico e metal das praias portuguesas este verão
setembro 28
AON Titan Trophies 2022 terminou nas ondas de Leça da Palmeira