Homepage

  • Slater em campanha contra a Hawaiian Airlines
    03 agosto 2016
    arrow
    arrow
  • Fotografia
    Hawaiian Airlines
  • Fonte
    Redação
powered by
  • Meo
  • Mercedes
  • Buondi
Segue-nos nas redes
  • Facebook
  • Twitter
  • Instagram
  • Experiência negativa de Bob Hurley com a companhia havaiana foi partilhada pelo 11 vezes campeão mundial, acompanhada de uma mensagem nada meiga.
  • A polémica entre surfistas e companhias aéreas já não é nova. Sobretudo no Havai, depois da queixa de John John Florence nas redes sociais contra a JetBlue, depois desta companhia aérea lhe ter partido as pranchas num voo. Agora, é a vez de Kelly Slater tomar partido de uma queixa de Bob Hurley no Instagram contra a Hawaiian Airlines.

    Slater juntou-se mesmo a uma corrente que pede às pessoas para não utilizarem esta companhia. Isto tudo, devido a uma experiência que o fundador da Hurley teve recentemente com a companhia havaiana, devido ao transporte das suas pranchas. O hastag #dontflyhawaiianairlines ganhou ainda mais dimensão depois da partilha do 11 vezes campeão mundial.

    “Este é um assunto que me aborrece”, começou por escrever KS. “A Hawaiian Airlines deveria rever a sua política. Isto é ridículo e uma forma de terem lucros extra. Eles fizeram mais de 70 milhões de dólares no ano passado em taxas sobre o peso a mais e tamanho a mais das bagagens”, atirou a lenda do surf mundial.

    Segundo Bob Hurley, esta foi uma experiência bastante desagradável. O empresário levava três pranchas pequenas num saco e foi-lhe dito que apenas poderia levar duas. Ele ofereceu-se para pagar mais um extra, mas apenas lhe foi dito que não era possível. Depois a solução acabou por ser o pagamento de uma taxa relativa a dois sacos de pranchas, quando na realidade apenas levava um… e com um peso que não ultrapassável o limite praticado na maioria das companhias.

    Este é mais um episódio lamentável que envolve surfistas e companhias aéreas, relacionado com o transporte de pranchas. Se, por um lado, algumas companhias estão a ser cada vez mais “amigas” dos surfistas, com algumas delas a não cobrarem pelo transporte das pranchas, no Havai a situação parece cada vez mais complexa. Veremos, agora, se a Hawaiian Airlines não sofrerá as consequências do mediatismo de Slater…

     

    Para acompanhar e confirmar live, os dados sobre o estado do mar, pode usufruir da nossa rede de livecams e reports preparada para essa finalidade.

    Segue o Beachcam.pt no Instagram

     

Tags
  • Pranchas
  • Kelly Slater
  • Fotografia
    Hawaiian Airlines
  • Fonte
    Redação
similar News
similar
outubro 15
Nasceu a Matosinhos Surf School Cup: a nova competição para as escolas de surf do concelho
outubro 15
Faleceu Tom Morey, o Pai do Bodyboard
outubro 15
Recolhidos 10 kg de lixo marinho na Praia do Samouco (Galeria Fotos)
outubro 15
Reserva Mundial de Surf da Ericeira comemorou 10º aniversário
outubro 15
'EDP Surf for Tomorrow' - A viagem às Maldivas
outubro 15
Nuno Vitorino recebe prémio do Comité Paralímpico de Portugal
outubro 15
Fim de semana chega com tempo mais cinzento e regresso da chuva nas regiões Norte e Centro