Homepage

  • Porta-Estandarte português no Rio’2016 é surfista
    02 agosto 2016
    arrow
    arrow
  • Fotografia
    Comité Olímpico de Portugal
  • Fonte
    Redação
powered by
  • Meo
  • Mercedes
  • Buondi
Segue-nos nas redes
  • Facebook
  • Twitter
  • Instagram
  • Aos 44 anos, João Rodrigues vai para a sétima participação em Olimpíadas, ele que no Rio de Janeiro vai competir na categoria RS:X, ou o mesmo que dizer, windsurf, modalidade que pratica desde os 9 anos.
  • A história portuguesa está desde sempre ligada ao mar e aos oceanos e não há melhor local que o Rio de Janeiro, palco dos Jogos Olímpicos de 2016, para reafirmar essa ligação umbilical. Aliás, foi mesmo o português Pedro Álvares Cabral a descobrir o caminho marítimo para o Brasil, em 1500. Dessa forma, a escolha de João Rodrigues para Porta-Estandarte da comitiva portuguesa é, de todo, acertada.

    O atleta madeirense é o português recordista em presenças nos Jogos Olímpicos. Aos 44 anos, João Rodrigues vai para a sétima participação em Olimpíadas, ele que no Rio de Janeiro vai competir na categoria RS:X, ou o mesmo que dizer, windsurf, modalidade que pratica desde os 9 anos. Esta será a última presença do velejador nos Jogos Olímpicos.

    Faz assim todo o sentido entregar a missão de transportar a bandeira nacional na Cerimónia de Abertura, que decorrerá no mítico Estádio do Maracanã, no próximo dia 5 de agosto, a um “homem do mar”, que para além de windsurf, também é um praticante assíduo de surf. Foi em Barcelona’1992 que Rodrigues representou pela primeira vez Portugal nos Jogos.

    José Garcia, Chefe da Missão Rio 2016, e antigo colega da equipa olímpica de João Rodrigues em Barcelona 92 e Atlanta 96, justificou a sua escolha com o currículo impressionante do velejador. “ Este atleta iniciou-se na prática da vela aos 9 anos e ao longo da sua carreira, somou dezenas de títulos nacionais, medalhas em inúmeras competições internacionais, campeonatos europeus e do mundo”, frisou.

    João Rodrigues garantiu que recebeu a notícia com enorme alegria. “Agradeço profundamente a honra que me é concedida, honra esta extensível à modalidade da vela e à Região Autónoma da Madeira, onde nasci e cresci”, salientou. Depois de transportar a bandeira nacional na Cerimónia de Abertura, João Rodrigues entrará em competição na Marina da Glória no dia 8 de agosto.

    Aos 44 anos, João Rodrigues está assim a postos para mais uma aventura olímpica, aumentando o seu recorde de participações. No último ano dedicou-se quase em exclusivo aos treinos, a promover atividades de natureza e a praticar BTT, surf e paddle board.

    Contudo, a tarefa do velejador português não será fácil. E nem só pela concorrência. Esta terça-feira rebentou mais um “escândalo” na organização deste Jogos de 2016, com a notícia da queda da rampa principal das provas de vela. Isto a apenas quatro dias do arranque dos Jogos Olímpicos.

     

    Para acompanhar e confirmar live, os dados sobre o estado do mar, pode usufruir da nossa rede de livecams e reports preparada para essa finalidade.

    Segue o Beachcam.pt no Instagram

Tags
  • Rio de Janeiro'2016
  • Brasil
  • Portugal
  • João Rodrigues
  • Windsurf
  • vela
  • Fotografia
    Comité Olímpico de Portugal
  • Fonte
    Redação
pub
similar News
similar
maio 20
Acidente na Praia da Calada tira vida a pescador
maio 19
Jovem talento português vence final mundial do GromSearch
maio 18
Liga MEO Surf – Tomás Fernandes e Yolanda Sequeira vencem o Porto Pro
maio 17
Liga MEO Surf – Performances excelentes e muitas surpresas no dia inaugural do Porto Pro
maio 17
Surfistas em “luta” pela onda de Porto Dinheiro
maio 16
Reino Unido vai ter mais uma piscina de ondas artificiais
maio 17
Mar recebe 35 contentores de plastico por hora