Homepage

  • Dragon: Xhapeland lança a prancha do futuro
    02 agosto 2016
    arrow
    arrow
  • Fotografia
    Xhapeland
  • Fonte
    Comunicado de Imprensa
powered by
  • Meo
  • Mercedes
  • Buondi
Segue-nos nas redes
  • Facebook
  • Twitter
  • Instagram
  • Desenvolvida e testada em parceria com o tetracampeão nacional Ruben Gonzalez, a dRaGon conta com design e shape de Rui Meneses “Picos” e construção de Lino Curado.
  • Mais leve, mais compacta, mais rápida, mais fluída, mais resistente. Mais tudo o que sempre sonhaste – o novo modelo de pranchas da WANTED, dRaGon, chegou para tornar os teus sonhos realidade.

    Desenvolvida e testada em parceria com o tetracampeão nacional Ruben Gonzalez, a dRaGon conta com design e shape de Rui Meneses “Picos” e construção de Lino Curado, responsável também pela aplicação de tecnologias desenvolvidas em exclusivo na Xhapeland. Trata-se do primeiro modelo de pranchas de surf no mundo a ser produzido e comercializado com fundo de Flowtech® (patente pendente), revolucionária tecnologia que consiste em produzir irregularidades simétricas e homogéneas no bottom da prancha. O resultado é um fundo que gera menos atrito no contacto com a água, resultando numa prancha mais rápida e com viragens mais fluídas do que qualquer outra prancha disponível no mercado.

    Mas esta não é a única novidade. Em contracorrente com as principais tendências da indústria de pranchas, a dRaGon é shapeada em EPS e laminada avácuo. Este processo – que consiste em comprimir o bloco de foam numa bolsa de nylon e materiais absorventes, funcionando como uma prensa em que a prancha é laminada sob a pressão causada pelo vácuo – elimina o excesso de resina e aplica uma maior compressão sobre as fibras, resultando numa prancha de peso-pluma que é simultaneamente mais compacta e com mais pressão na onda do que uma prancha laminada tradicionalmente.

    A laminação a vácuo aumenta também a resistência e durabilidade da prancha, sendo necessário mais tempo de utilização para se começarem a notar os primeiros sinais de uso e degradação.

    Mas basta de conversa técnica. Este é o tipo de prancha que vais mesmo ter de experimentar para saberes do que estamos a falar – e perceberes que não é só conversa.

    “Em ondas de 20 cm a 1 metro, este modelo vai mexer com a tua cabeça”, diz Ruben Gonzalez, test rider do modelo. “Vai parecer que tens uma nuvem debaixo dos pés, que não te vai falhar quando fizeres aquela pressão extra para um bottom mais cavado ou uma manobra mais arriscada.”
    Leveza, fluidez, flexibilidade e resistência em mar pequeno é com a dRaGon.

    Fica a conhecer melhor este novo modelo da WANTED – das especificidades de construção à performance dentro de água – no vídeo abaixo.

     

    Para acompanhar e confirmar live, os dados sobre o estado do mar, pode usufruir da nossa rede de livecams e reports preparada para essa finalidade.

    Segue o Beachcam.pt no Instagram

Tags
  • Xhapeland
  • Indústria
  • Pranchas
  • Fotografia
    Xhapeland
  • Fonte
    Comunicado de Imprensa
pub
similar News
similar
outubro 21
Costa da Morte, na Galiza, quer ser Reserva Mundial de Surf
outubro 21
Salvamentos aumentaram nas praias portuguesas na época balnear de 2020
outubro 21
Primeira ondulação grande da temporada deverá entrar na Nazaré a partir de domingo
outubro 21
Circuito Regional da Madeira SUP Race arrancou em grande estilo
outubro 21
Bodyboard: Título nacional feminino vai decidir-se na Póvoa de Varzim
outubro 19
Bernardo Jerónimo, o único português a competir no Frontón King, já está na 3ª ronda
outubro 20
Depressão Bárbara: Aviso vermelho alargado a mais 3 distritos do continente
pub