Homepage

  • Central de Sines é a que mais polui o ar
    30 agosto 2016
    arrow
    arrow
  • Fotografia
    Lusa
  • Fonte
    Lusa
powered by
  • Meo
  • Mercedes
  • Buondi
Segue-nos nas redes
  • Facebook
  • Twitter
  • Instagram
  • A estação de tratamento de águas residuais de Matosinhos surge como a que mais polui no que diz respeito aos recursos hídricos (água).
  • A Central Termoelétrica de Sines é famosa por ser responsável pela água quente que muitas vezes "invade" a praia de São Torpes. Contudo, segundo a Associação Sistema Terrestre Sustentável – Zero é também a unidade que mais polui o ar no nosso país.

    Clique aqui para consultar a nossa live cam na Praia de São Torpes, em Sines.

    Zero analisou os dados reunidos pela Agência Europeia do Ambiente (EEA na sigla em inglês) para as instalações em Portugal e fez dois rankings, onde a estação de tratamento de águas residuais de Matosinhos surge como a que mais polui no que diz respeito aos recursos hídricos (água).

    Nas emissões atmosféricas, a lista tinha 280 instalações e um total de 29 poluentes, e no meio aquático, foram avaliados dados de 56 instalações para 27 poluentes.

    No que respeita ao ar, “as cinco primeiras instalações têm na primeira posição a Central Termoelétrica de Sines, da EDP, seguida de duas fábricas de pasta de papel, da Portucel, em Setúbal e Cacia, respetivamente, depois a Unicer, em Leça do Balio, e em quinto lugar uma cimenteira, da Cimpor, em Alhandra”, relatou Francisco Ferreira, presidente da Zero.

    “O que fizemos foi verificar qual a posição que [as unidades] ocupavam em relação a cada poluente e depois avaliar o total dessas posições num ‘ranking’ final”, de todo o ano, disse à agência Lusa, acrescentando que a classificação “não significa que as empresas não estejam a cumprir a legislação ao longo de todo o ano, e que não estejam a utilizar as melhores tecnologias disponíveis”.

    Quanto à poluição dos recursos hídricos, são “acima de tudo de estações de tratamento de águas residuais e em primeira lugar está a ETAR de Matosinhos [Porto], em segundo a de Alcântara, em Lisboa, em terceiro a de Ribeira de Moinhos, em Sines, que recebe muitos efluentes industriais, em quarto a Sanest, na Costa do Estoril, e em quinto lugar a ETAR Norte, do sistema SIMRIA, em Aveiro”, apontou o presidente da Zero.

    Fotografia: Portugal Fotografia Aérea

     

    Para acompanhar e confirmar live, os dados sobre o estado do mar, pode usufruir da nossa rede de livecams e reports preparada para essa finalidade.

    Segue o Beachcam.pt no Instagram

Tags
  • Central Sines
  • Fotografia
    Lusa
  • Fonte
    Lusa
pub
similar News
similar
março 27
Imagens espaciais mostram redução drástica da poluição do ar na Europa
março 27
Brisa Hennessy tem a melhor quarentena de todas… nas Fiji
março 27
Hora do Planeta terá formato digital para além do apagão
março 27
Foto do sunset português entre as melhores de concurso internacional  
março 27
Está a chegar o horário de Verão!
março 27
Capítulo Perfeito teve alcance superior a 33 milhões de pessoas
março 27
Em Ribeira d’Ilhas manda Tomás Fernandes