Homepage

  • Isabela Sousa e Alex Uranga vencem Itacoatiara Pro
    27 junho 2016
    arrow
    arrow
  • O último dia de prova decorreu em boas condições com ondas de metro a metro e meio, com pouco vento.
  • Terminou ontem o Itacoatiara Pro, terceira etapa da APB Tour em 2016.

    Notícia: Estado do tempo e temperaturas para hoje

    O último dia de prova decorreu em boas condições, com pouco vento e ondas de metro a metro e meio.

    Na competição Pro Junior, o brasileiro Diego Gomes conseguiu superar a concorrência e acabou por vencer, deixando para trás Cristian Tapia em segundo e os compatriotas Sócrates Santana e Matheus Bastos em terceiro e quarto lugar, respetivamente.

    Na competição feminina, foi a brasileira Isabela Sousa quem sobressaiu, mas apenas nos últimos instantes da sua bateria. A ex-campeã mundial somou um score final de 11.75 contra 10.75 pontos da japonesa, Ayaka.

    E por último, na competição masculina, o havaiano Jeff Hubbard  terminou vencendo o seu heat de aferição de 3º e 4º lugar contra João Zik. Na grande final, foi o rider basco Alex Uranga que superou o francês Pierre-Louis Costes por 17.40 x 15.55 pontos, sagrando-se campeão do Itacoatiara Pro. 

    Fiquem com os “highlights” do última dia de competição!  

    Para acompanhar e confirmar live, os dados sobre o estado do mar, pode usufruir da nossa rede de livecams e reports preparada para essa finalidade.

    Segue o Beachcam.pt no Instagram

Tags
  • bodyboard
  • Itacoatiara Pro 2016
  • Isabela Sousa
  • Alex Uranga
  • Surf
  • Brasil
  • Itacoatiara
  • APB World Tour
pub
similar News
similar
outubro 21
Salvamentos aumentaram nas praias portuguesas na época balnear de 2020
outubro 22
Cerca de 1 milhão de toneladas de equipamentos de pesca chega aos oceanos anualmente
outubro 22
BV2, o novo modelo da Chilli Surfboards já está disponível em Portugal
outubro 22
Surfista preso em zona de falésia é resgatado em Aljezur
outubro 22
Bernardo Jerónimo avança mais uma ronda no Frontón King 2020
outubro 22
Bom Petisco Cascais Pro alimentado a 60% com energia solar
outubro 21
Costa da Morte, na Galiza, quer ser Reserva Mundial de Surf
pub