Homepage

  • Kelly Slater salva bebé no havai
    19 maio 2016
    arrow
    arrow
powered by
  • Meo
  • Mercedes
  • Buondi
Segue-nos nas redes
  • Facebook
  • Twitter
  • Instagram
  • Depois de acudir uma senhora que, ao passear com o filho bebé na rua, foi derrubada por uma grande onda, no Havai.
  • O surfista salvou mãe e filho no preciso momento em que a água cobria o carrinho da criança, na passada quarta-feira, horas após depois de não conseguir passar a rebentação em Waimea e ter decidido não voltar a tentar vencer a fúria da maré.

    Onze vezes campeão do mundo, Kelly Slater observava o mar que tantas vezes desafia, a partir da avenida Kamehameha, na costa norte da ilha de Oahu, quando uma vaga forte invadiu o passeio, quase provocando a tragédia que evitou.

    Com todos a salvo, o pai do bebé, o fotógrafo australiano Chis Whitey, agradeceu "aos deuses do surf não estarem com Kelly Slater", permitindo-lhe estar no local certo na hora precisa, explicando que "Van (nome do filho) estava preso ao carrinho e estava a engolir água e areia".

    Como resposta, Slater escreveu: "Por alguma razão parei ali quando normalmente não paro. Estou feliz que está tudo bem e podermos rir sobre isso. A primeira onda de Van foi uma das grandes! Definitivamente, um bebé ao estilo do oeste australiano".

    A façanha fez recordar os tempos do Kelly Slater como ator na série "Marés vivas ", sendo que desta vez virou nadador-salvador sem guião e para salvar uma situação bem real.

    Fotografia: WSL | Fonte: JN

Tags
  • Kelly Slater
  • havai
  • Waimea Bay
  • Surf
  • bebe
similar News
similar
abril 16
Estrada é encerrada em Tallinn durante a noite para salvar milhares de sapos e rãs
abril 16
Praia da Tocha vai ter novos passadiços no verão
abril 16
Chuva dá tréguas no fim de semana
abril 16
Tiago Pires vai ser “padrinho” de festival francês
abril 15
Associação Portuguesa de Bodyboard convoca Assembleia Geral extraordinária
abril 15
Quatro distritos ainda sob aviso amarelo por causa da chuva
abril 14
Portugal é o 3º país da Europa que mais pesca tubarão e raia