Homepage

  • Vasco no top 30 e surpresa no topo do WQS
    02 julho 2018
    arrow
  • Atualmente com 6440 pontos, Vasco Ribeiro está a pouco mais de 500 pontos do top 20 do ranking e a menos de 2 mil do top 10, que dá a qualificação direta para o World Tour 2019.
  • Num mês subiu mais de 80 posições e, agora, já é o novo número 25 do ranking mundial de qualificação. Após o 9.º lugar no QS10000 de Ballito, Vasco Ribeiro disparou no ranking do WQS e já está novamente em lugares privilegiados para atacar a qualificação para o World Tour 2019.

    O campeão nacional em título não começou a temporada da melhor forma, devido a algumas lesões, e acabou por fazer uma perna australiana abaixo das expectativas. O azar bateu-lhe novamente à porta, foi operado ao apêndice e falhou um importante QS3000 na Martinica. Uma conjugação de azares que o chegou a colocar fora do top 200 mundial.

    No entanto, o 9.º lugar alcançado no QS6000 de Chiba, no Japão, foi o primeiro sinal de recuperação, que lhe deu algum “oxigénio” no ranking, voltando às lides do top 100 mundial. Depois disso rumou à África do Sul para consumar a recuperação total. Tudo começou com um 9.º lugar num QS1500 em Port Elizabeth, que o recolocou dentro do top 100 mundial.

    Na passada semana mais uma brilhante prestação em Ballito, no primeiro QS10000 da temporada, ajudaram o surfista da Poça a voltar ao topo. No ano passado Vasco tinha sido 5.º classificado. Este ano “só” foi 9.º, mas, ainda assim, somou importantes pontos para uma subida vertiginosa de 52 posições.

    Atualmente com 6440 pontos, Vasco Ribeiro está a pouco mais de 500 pontos do top 20 do ranking e a menos de 2 mil do top 10, que dá a qualificação direta para o World Tour 2019. No entanto, este foi apenas o primeiro QS10000 da temporada. Muito ainda está para vir… e este ano com uma prova máxima na Ericeira, no palco onde Vasco se sagrou campeão mundial júnior em 2014.

    Entretanto, no topo do ranking surge um nome surpreendente. Não pela falta de talento, mas porque nos últimos anos a falta de patrocínios ofuscou-o um pouco do top 100 mundial. O jovem brasileiro Peterson Crisanto foi o vencedor do Ballito Pro, depois de vencer o australiano Jack Freestone na final, e saltou para a liderança do ranking, roubando-a ao compatriota Alejo Muniz, agora 4.º.

    Na vice-liderança está outra sensação, o jovem havaiano Seth Moniz, que parece cada vez mais preparado para dar o salto para a elite mundial. O pódio é fechado pelo australiano Mikey Wright, que parece estar lançado para a dupla qualificação. Mas a maior subida de todas foi mesmo de Freestone, que conseguiu na África do Sul o primeiro resultado expressivo da temporada e voou 153 posições até ao 5.º posto do ranking.

    Eis o novo top 10 do WQS:

    1. Peterson Crisanto (BRA), 13,720 pontos
    2. Seth Moniz (HAV), 12,950
    3. Mikey Wright (AUS), 12,205
    4. Alejo Muniz (BRA), 10,980
    5. Jack Freestone (AUS), 9,720
    6. Deivid Silva (BRA), 9,400
    7. Ryan Callinan (AUS), 9,280
    8. Evan Geiselman (USA), 9,210
    9. Ricardo Christie (NZL), 8,555
    10. Thiago Camarão (BRA), 8,265
    (…)
    26. Vasco Ribeiro (PRT), 6,440
    78. Miguel Blanco (PRT), 3,405
    82. Frederico Morais (PRT), 3,210
    125. Tomás Fernandes (PRT), 2,300
    158. Nic von Rupp (PRT), 1,825
    163. Luís Perloiro (PRT), 1,770
    165. Pedro Coelho (PRT), 1760
    194. Jácome Correia (PRT), 1,545
    221. Henrique Pyrrait (PRT), 1,390
    232. Ruben Gonzalez (PRT), 1,265
    284. Francisco Duarte (PRT), 1,000
    298. Pedro Henrique (PRT), 945
    308. Frederico Magalhães (PRT), 920
    312. Afonso Antunes (PRT), 910
    320. Eduardo Fernandes (PRT), 885
    420. Francisco Almeida (PRT), 555
    488. Gonçalo Vieira (PRT), 411
    493. Raul Bormann (PRT), 400
    503. Francisco Carrasco (PRT), 390
    575. Salvador Couto (PRT), 305
    598. Simão Penha (PRT), 286
    652. Martim Paulino (PRT), 229
    682. José Champalimaud (PRT), 200
    702. Robertson Gonçalves (PRT), 180
    790. João Moreira (PRT), 120
    825. Tomás Ribeiro (PRT), 110
    825. Joaquim Chaves (PRT), 110
    940. Tiago Pires (PRT), 60
    940. Andres Gomez (PRT), 60
    1011. Pedro Barros (PRT), 21

     

    Para acompanhar e confirmar live, os dados sobre o estado do mar, pode usufruir da nossa rede de livecams e reports preparada para essa finalidade.

    Visita a nossa Loja Online, encontras tudo o que precisas para elevar o teu nível de surf! 

    Segue o Beachcam.pt no Instagram