Homepage

  • Sines deverá acolher 28 veleiros e 1000 tripulantes
    19 abril 2017
    arrow
    arrow
  • Para além destas atividades, a população terá ainda a oportunidade de embarcar num Tall Ship
  • LIVE CAM: São Torpes

    O porto de Sines, em Setúbal, vai acolher este ano, pela primeira vez, o Tall Ships Festival, entre 28 de abril e 1 de maio, sendo esperados 28 veleiros e cerca de 1.000 tripulantes, anunciou esta segunda-feira a organização. “Praticamente todos os cais em Sines vão estar ocupados com estes grandes navios à vela”, disse à Lusa o presidente da Associação Portuguesa de Treino de Vela (Aporvela), João Lúcio.

    Os Tall Ships são veleiros que estavam a ser desmobilizados há 60 anos, altura em que começou a iniciativa, e que foram desafiados para fazerem uma regata em que 50% da tripulação tivesse entre 15 e 25 anos, caraterística que se “mantém até hoje”, afirmou. “Lisboa foi a primeira cidade do mundo a receber uma Tall Ship”, sublinhou o responsável.

    O Sines Tall Ships Festival insere-se na “Rendez-vous 2017 Tall Ships Regatta” (RDV 2017), uma regata de grandes veleiros que passa por sete países”, cruzando o Oceano Atlântico “duas vezes”, e que celebra nesta edição os 150 anos da confederação do Canadá. O festival terá diversas atividades, como visitas às embarcações, desfiles dos tripulantes, concertos e fogo-de-artifício, tudo com entrada gratuita.

    Ver também: Sines completamente contra o petróleo

    Para João Lúcio, a parada dos tripulantes é um “momento muito alto” por ser uma “espécie de carnaval” em que os tripulantes se vestem de piratas e levam ornamentos náuticos para fazer uma festa na cidade, hábito que se faz em todos os portos onde as frotas atracam.

    Para além destas atividades, a população terá ainda a oportunidade de embarcar num Tall Ship, independentemente da experiência que tenha a bordo. “Eu acho que o nosso grande navegador [Vasco da Gama] estará com certeza felicíssimo por saber que nós voltamos a trazer ao porto dele [em Sines] mastros, velas e alegria”, acrescentou João Lúcio.

    Associada ao RDV 2017 existe um site e uma aplicação (iOS e Android) — Yellow Brick — que permite que o utilizador siga o rasto da frota com informações como a sua localização e velocidade, entre outras.

    Mais em SINES Tall Ships Festival 

    Para acompanhar e confirmar live, os dados sobre o estado do mar, pode usufruir da nossa rede de livecams e reports preparada para essa finalidade.

    Segue o Beachcam.pt no Instagram

Tags
  • Sines
  • Câmara Municipal de Sines
  • Odemira
  • veleiros
  • Tall Ships Festival
  • alentejo
  • setúbal
pub
similar News
similar
fevereiro 16
Depois da tempestade, vem aí a bonança!
fevereiro 16
Surfista de 14 anos lesiona-se nas partes íntimas
fevereiro 16
Trânsito condicionado em Carcavelos nos próximos meses
fevereiro 15
Nazaré vai receber 'Ondas Muito Grandes' esta sexta!
fevereiro 15
Portugal ultrapassa os 20 milhões de turistas
fevereiro 15
FPS promove novo Curso de Treinadores de Surfing
fevereiro 15
Vasco Ribeiro prestes a arrancar para a Austrália