Homepage

  • Beachcam Spot Report* 18 a 20 Fevereiro
    17 fevereiro 2017
    arrow
    arrow
  • Fim de semana com boas ondas de Norte a Sul do país. Vamos descobrir onde?
  • Fim de semana com boas oportunidades de óptimas sessões pelo país fora. Offshore aqui, Offshore ali, vai ser sob boas condições que as ondas vão rolar nos próximos dias, vamos descobrir onde?

    NORTE

    Sábado: Nova ondulação a entrar costa adentro com 16 segundos de período e orientada a Oeste com 2,7m de altura e a subir até aos 3,2m ao final do dia a permitir algumas ondas. Vai ser sob Nortada moderada que se vão encontrar as praias da Região Norte durante todo o dia, com o vento a soprar mais fraco somente pela manhã. Devido á direção e intensidade da ondulação e vento, não esperamos boas condições para surf, com destaque somente para as ondas até 1,5m por Matosinhos, sob side offshore. Restante Costa Norte com ondas desordenadas e a rondar os 2/3m ao longo do dia. 

    Domingo e Segunda feira: Dias muito idênticos no que toca aos destaques para surfar, com a ondulação de 2m prevista a manter-se semelhante para Segunda mas com ligeira diferença no que toca ao período, que ira aumentar para 16 segundos e o vento, que irá soprar fraco de NE no Domingo e moderado de leste a permiitr o offshore na segunda. Esperam-se boas ondas, também elas a decrescer para sexta, por praticamente toda a Costa Ocidental Norte. Ondas até 1,5m por Moledo, Vila Praia de Âncora, picos de Viana do Castelo, Mariana, Arda, Afife, a diminuir de tamanho para Esposende, Ofir, Apúlia, Aguçadoura, Vila do Conde e Póvoa do Varzim mais pequenos, com Mindelo e Leça da Palmeira maiores. Matosinhos a funcionar na melhor maré, a rondar 0,5m com alguns sets maiores. Canidelo, Madalena e Espinho a serem também boas opções, com ondas a rondar 1m e também com alguns sets maiores.

    CENTRO

    Sábado: Com uma ondulação de Oeste a subir dos 2,5m até aos 2,9m de altura e com 16 segundos de período, prevemos ondas até 3m a Norte do Cabo Raso, mais pequenas na margem Sul a rondar 2m de altura. Nem tudo são boas notícias devido à Nortada a intensificar-se ao longo do dia e a baralhar as contas de bom surf. Matinal com ondas a rondar 1,5m por Sesimbra e Fonte da Telha, com 2m pela Costa de Caparica. Melhores condições sob offshore durante todo o dia pela Linha de Cascais/Estoril/Oeiras com ondas até 1,5m pelos picos a Norte e Sul da Vila, ligeiramente mais pequeno pelo Monte Estoril, picos de São João, São Pedro do Estoril e Carcavelos clássicos, Parede, mais pequeno até 1m pela Torre, Inatel, Santo Amaro, Paço de Arcos com Caxias a rondar 0,5m. Peniche a beneficiar também da Nortada com oportunidades de offshore por Porto Batel e Supertubos com ondas a rondar 2,5m com Molhe Leste e Baía com 1,5m. Canhão da Nazaré digno de se ver, com ondas até 9m para os big chargers. Melhor surf com menos vento e mais acessível por toda a região da Figueira da Foz com Cabedelo side offshore e ondas a rondar 2m com sets maiores. Ondas também mais a Norte pela manhã, desde Aveiro até Ovar a rondar 2m, com sets maiores.

    Domingo e Segunda feira: Ondulação a manter-se dentro dos mesmos valores para os próximos dias, a rondar 2,2m, mas com a benesse do aumento de período para segunda e vento a rodar do quadrante Nordeste para Este, também na segunda, o melhor dia para surfar. Janela de oportunidade de boas condições com side e offshore nos próximos dias com ondas a rondar 0,5m por Sesimbra, maior até 1m pelas praias do Meco com Fonte da Telha a funcionar em tamanhos similares e toda a Costa de Caparica com ondas a rondar 1,5m, cos sets maiores, desde as praias aos pontões. Surf também pela Linha, com Linha de Cascais a funcionar até 1m com destaque para São Pedro e Carcavelos nas mesmas medidas. Oeiras também com ondas mas a rondar 0,5m, sempre nas melhores marés. História diferente a Norte do Cabo Raso com picos do Guincho com ondas até 2m, mesmo tamanho mas mais qualidade pela Praia Grande, com picos até à Ericeira a funcionar dentro das mesmas medidas. Surf ligeiramente mais pequeno e muito recomendável pelos fundos de pedra e beach breaks pela região da Ericeira, já lá estando, vai ser só procurar o melhor. Mais a norte, picos até à Praia Azul, spots de Santa Cruz, Santa Rita e Areia Branca com ondas a rondar 1,5m. Região de Peniche com boas ondas e consistentes até 1,5m, com destaque para Supertubos e Molhe Leste. Foz do Arelho e São Pedro de Moel até 3m, com o Canhão da Nazaré a formar ondas na Praia do Norte a rondar os 5m de altura. Destaque também para a Figueira da Foz e Buarcos com muito offshore e ondas na ordem de 1,5m de altura, para cima. Bom pela Murtinheira, Quiaios, Lavos, Vagos, Aveiro e Ovar com boas ondas até 1m e menos vento, com Praia do Labrego e Barra mais pequenas.

    SUL

    Sábado: Dia com muito sol mas vento fraco a moderado de Norte a baralhar as contas para bom surf na Costa Alentejana e Vicentina. Mesmo assim, oportunidades de Offshore pelo Barlavento e Sotavento algarvios com ondas entre 0,5m a 1m nas praias e maior a rondar 2m pela Costa Ocidental com destaque somente para os spots mais protegidos como Amado, Arrifana, Barcas a rondar 1,5m e São Torpes e picos até Sines sob sideoffshore e melhores condições e ondas até 1,5m. Período matinal com menos vento e a merecer uma ida aos vossos picos favoritos da região.

    Domingo: Ainda com algum vento do quadrante Norte, de ENE e agora a intensificar-se cada vez mais, surf pela Costa Sul com marrecas a rondar 0,5m pela Luz, Lagos, Portimão, Albufeira e Quarteira / Vilamoura. Destaque para o Offshore pela Região a sul de Sagres com ondas a rondar 2m e por São Torpes e picos até Sines com 1m. Apesar de estar um pouco desordenado pelo vento, ondas a rondar 1,5m a 2m pelos picos do Parque Nartural do SW Alentejano e Costa Vicentina. Bom para Kite e Windsurf.

    Segunda feira: Com o período a aumentar para 16 segundos e o vento a estabelecer-se no quadrante leste e a permitir offshore durante todo o dia pela Costa Alentejana e Vicentina, esperam-se boas condições pelas praias da península de Sagres, com ondas até 2m, pelo Tonel, Ponta Ruiva, Castelejo, Cordoama, mais pequeno pelo Amado, Carrapateira, Bordeira, Arrifana, algo maior e mais desordenado na Amoreira e Odeceixe. Zambujeira do mar dentro dos mesmos valores e spots da Costa Alentejana como Carriagem, Vale dos Homens, Amália, Carvalhal, Almograve, picos a sul e norte de Vila Nova de Milfontes, como as Barcas, Malhão, Aivados, etc,tudo a rondar 1,5m. Mesma coisa para os picos de Porto Covo, como Burrinho, L-Point, Vieirinha até 1,5m, com São Torpes mais pequeno. 1,5m pela Praia do Norte em Sines e pelos picos mais a Norte, em direção a Setúbal, como Santo André (Vacaria), Melides, Carvalhal, Comporta, Tróia, etc, a funcionarem com qualidade e offshore mas com menos uns cm's...

    Tenham um bom fim de semana, com boas ondas, bons ventos e melhores momentos!

    * Estas previsões estão sujeitas a eventuais alterações, pelo que se deverá verificar a ocorrência das mesmas, visto tratarem-se de tendências de estado de tempo que são distribuídas no intuito de serem úteis, mas sem qualquer garantia; nem sequer a garantia de perceptibilidade ou aplicação a qualquer objetivo em particular 

    Legenda: Mapa da previsão do mar. Imagem: FNMOC.

    Para acompanhar e confirmar live, os dados sobre o estado do mar, pode usufruir da nossa rede de livecams e reports preparada para essa finalidade.

    Segue o Beachcam.pt no Instagram

     

Tags
  • Beachcam Spot Report
  • fevereiro
  • previsao ondas
  • Ondulação
  • FNMOC
  • windguru
  • Previsão Surf
  • Surf Spots
  • bodyboard
  • peniche
  • offshore
  • lisbo
  • lisboa
  • cascais
  • alentejo
  • Algarve
  • nazaré
  • ericeira
  • costa da caparica
pub
similar News
similar
novembro 24
Beacham GOOD SPOT report* 25 a 27 Novembro
novembro 24
Clássicos vencem campeonato BB em Peniche
novembro 23
Coxos: Uma das melhores direitas de Portugal
novembro 23
'Imposição' de petróleo viola princípios democráticos
novembro 23
Capítulo Perfeito prolonga período de espera
novembro 23
Seis distritos sob aviso devido à chuva
novembro 22
GALP avança por Petróleo na Bacia de Peniche